Polícia encontra corpo carbonizado em sofá no DF; é o 2º caso em uma semana

O crime da madrugada deste domingo (24/1) ainda não tem suspeitos. Vítima não foi identificada

atualizado 24/01/2021 16:14

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) apura mais um caso de um corpo encontrado carbonizado em um sofá no DF. Na madrugada deste domingo (24/1), uma pessoa ainda não identificada foi atingida pelas chamas na Quadra 2 do Itapoã. Na última semana, um caso igual ocorreu em Santa Maria.

Segundo consta no Boletim de Ocorrência, moradores da região relataram que, por volta de meia-noite, escutaram um barulho no portão, mas não deram importância. Alguns minutos depois, no entanto, uma fumaça intensa entrou nas casas.

Quando os moradores saíram para ver o que era, viram um sofá, que já estava abandonado no local há alguns dias, pegando fogo. Quando as chamas foram apagadas, no entanto, um corpo humano estava amarrado.

Caso igual em Santa Maria

Na noite de segunda-feira (18/1), na QR 208, em Santa Maria, o corpo de um homem foi encontrado amarrado em um sofá e totalmente carbonizado.

Vizinhos contaram aos bombeiros que atenderam a ocorrência que a vítima foi queimada ainda viva.

Três dias depois do crime, um homem identificado como Tiago Bocão foi preso pela PCDF. Ele confessou ter praticado o crime. Segundo ele, a vítima tentou abusar sexualmente de uma mulher em uma reunião na casa de amigos, quando começou uma briga.

“Ele teria empurrado a vítima num sofá que já queimava e depois disso teria até tentado salvá-la, inclusive ele apresentava queimaduras nas mãos”, informou o delegado da 23ª Delegacia de Polícia (Santa Maria), Paulo Galindo, que conduz as investigações.

Últimas notícias