PM encerra balada clandestina de Carnaval em área rural do DF

Festa rave foi dispersada no final da manhã deste domingo (14/2). Havia caminhão de som, gerador de energia e segurança privada no evento

atualizado 14/02/2021 21:32

Festa clandestinaPMDF/Divulgação

Uma equipe da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) encerrou uma festa clandestina de Carnaval, no Paranoá, no final da manhã deste domingo (14/2).

Segundo a PMDF, policiais receberam denúncia de uma festa rave no Núcleo Rural Boqueirão, onde haveria consumo de drogas e pessoas armadas.

Ao chegar no endereço, por volta das 11h, a equipe flagrou grande aglomeração e “barulho excessivo”. O evento contava com caminhão de som, gerador de energia e segurança privada.

Os militares, então, informaram o organizador que a festa deveria ser encerrada. Os PMs não localizaram materiais ilícitos e a rave acabou de forma pacífica.

 

0
Outros casos

Além da PMDF, a Secretaria de Proteção à Ordem Urbanística (DF Legal) tem atuado para coibir eventos irregulares e garantir que os estabelecimentos autorizados a funcionar cumpram as regras determinadas pelo Poder Público para conter a pandemia de Covid-19.

Nesse sábado (13/2), a DF Legal vistoriou vistoriados 78 estabelecimentos, em 27 regiões administrativas do DF. Foram aplicadas quatro multas no valor de R$ 20 mil em razão de festas ou eventos carnavalescos clandestinos. Todos os espaços autuados tiveram as instalações interditadas. Os primeiros punidos foram um bar em Santa Maria e outro em Sobradinho (veja vídeo abaixo).

Mais oito locais foram fechados por descumprirem protocolos sanitários e outros 10, por não terem documentação necessária. Irregularidades que renderam multas que podem chegar a R$ 4 mil, cada uma, mas que se acumulam.

Últimas notícias