PM do 4º Batalhão Escolar morre com suspeita de coronavírus no DF

O sargento Feitosa era da reserva remunerada e deu entrada no hospital neste sábado (11/7), mas já estava com 80% do pulmão comprometido

atualizado 15/07/2020 13:29

Policial MortoReprodução

Um policial militar do Distrito Federal morreu neste sábado (11/7), e a suspeita é de que ele tenha sido vítima do coronavírus.

Por volta das 11h, o sargento Feitosa, do 4º Batalhão de Polícia Escolar, foi encaminhado ao Hospital Maria Auxiliadora, no Gama, mas já estava com 80% do pulmão comprometido.

De acordo com informações da Polícia Militar, o procedimento de intubação foi iniciado, mas o sargento, que era da reserva remunerada, não resistiu.

Até a última atualização deste texto, o resultado dos exames para determinar a presença ou não do novo coronavírus não havia sido divulgado.

Na corporação, são 760 infectados desde 5 de março, quando a primeira pessoa testou positivo do DF. Hoje, 339 estão afastados em decorrência da doença e 421 se recuperaram, segundo dados da PM.

Somente nas últimas 24 horas, o DF teve 1.109 novos casos confirmados de coronavírus e chegou a 68.406 infectados e 796 mortos em decorrência da doença. Os dados foram atualizados no Painel Covid-19 às 18h deste sábado (11/7).

0

Últimas notícias