*
 

O delegado Jeferson Lisboa seguirá à frente do Departamento de Polícia Circunscricional (DPC) responsável pelas 34 delegacias espalhadas em Brasília e nas regiões administrativas. A decisão é do novo diretor-geral da Polícia Civil, Robson Cândido.

Lisboa tem o perfil que Cândido busca. É pacificador e respeitados pelos pares. Ele será fundamental no cumprimento de uma das principais promessas do diretor, a reabertura das delegacias. Jeferson chegou a ser cogitado para assumir como diretor-geral adjunto, mas conforme o Metrópoles antecipou nessa quarta-feira (7/11), o escolhido foi o ex-presidente do Sindicato dos Delegados Benito Tiezzi.

A indicação de Benito Tiezzi para ocupar a direção-geral adjunta da PCDF é coerente com o resultado da lista tríplice. Eleito em primeiro lugar, Robson Cândido teve 265 votos, e Benito ficou em segundo, com 242 votos. Outro nome confirmado é o de Anderson Espíndola. Ele foi indicado para chefiar a corregedoria-geral.