Os bastidores da cobertura policial de um jeito que você nunca viu

Sexo entre sogro e nora termina em treta, gravidez e facada na cabeça

Vítima agredida pelo cunhado teve dedos amputados, trauma cranioencefálico e continua internada no Hospital de Base

atualizado 28/11/2022 14:05

Reprodução/TV Anhanguera

Investigadores da 23ª Delegacia de Polícia (P Sul) prenderam, em flagrante, o homem acusado de tentar matar o próprio cunhado com golpes de faca e enxada na cabeça. A tentativa de homicídio ocorreu na noite de quinta-feira (24/11), em Ceilândia.

A vítima, Olávio Caetano, 43 anos, segue internada no Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF) e teve dedos amputados.

Olávio havia engravidado a irmã do agressor, uma jovem de 18 anos. Ela, por sua vez, namorava a filha da vítima, uma adolescente de 17.

A relação entre as duas jovens nunca agradou o agressor, que tinha ciúmes da irmã e não apoiava a relação homossexual dela.

Para resguardar a identidade da jovem de 17 anos, e em respeito ao Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), a reportagem não divulgará o nome do agressor.

Em 18 de outubro, o investigado deu uma surra na irmã, a ponto de deixá-la desacordada. Em outra ocasião, agrediu fisicamente as duas jovens.

Revoltado, Olávio decidiu tirar satisfações com o cunhado a respeito do ataque às jovens. Durante a discussão, o agressor pegou uma faca e uma enxada para atacar a vítima com vários golpes na cabeça.

Após o crime, o agressor fugiu para Santo Antônio do Descoberto (GO), no Entorno do DF. Horas depois, ele se apresentou à delegacia da cidade e foi preso.

Agentes da 23ª DP estiveram na unidade policial para levar o agressor sob custódia para o DF.

Mais lidas
Últimas notícias