Morre mulher que se engasgou com carne em churrascaria no DF

Vítima sofreu parada cardiorrespiratória e foi transportada no helicóptero do Corpo de Bombeiros até o hospital

Divulgação/CBMDFDivulgação/CBMDF

atualizado 24/07/2019 10:41

Thayna Bittencourt de Souza Mendes, 28 anos, morreu nesta terça-feira (23/07/2019) após nove dias internada para se recuperar de uma parada cardiorrespiratória sofrida depois de se engasgar com um pedaço de carne. A jovem almoçava com a família na Churrascaria Fogo de Galpão, em Taguatinga, no dia 14 de julho, no dia do ocorrido.

O socorro foi acionado imediatamente. Assim que o Corpo de Bombeiros chegou ao local, os militares começaram os procedimentos de reanimação cardiopulmonar. A equipe conseguiu restabelecer os sinais vitais e Thayna foi levada de helicóptero ao Hospital Regional de Taguatinga (HRT). Posteriormente, foi transferida para o Hospital Brasília.

Durante o atendimento, enquanto a paciente era entubada, a médica da equipe identificou o pedaço de carne e retirou o alimento da garganta da mulher, medida que possibilitou o retorno da respiração e dos batimentos cardíacos. Logo depois, a jovem foi encaminhada à unidade de saúde – ela estava inconsciente e instável.

Doze militares e duas viaturas participaram da operação. Para atender a ocorrência, os bombeiros interditaram o Pistão Sul, no sentido Taguatinga Centro, para que o helicóptero do CBMDF pousasse e esperasse a paciente.

Últimas notícias