Fake news: Ibaneis nega fechamento de bares e restaurantes no DF

De acordo com o governador, todas as medidas para conter o coronavírus estão sendo anunciadas por ele com antecedência

atualizado 17/03/2020 17:32

Ibaneis Rocha (MDB)Myke Sena/Especial para o Metrópoles

O governador Ibaneis Rocha (MDB) desmentiu, nesta terça-feira (17/03), a notícia que está circulando nas redes sociais dando conta que o governo teria mandado fechar restaurantes e bares para evitar a disseminação do novo coronavírus. O emedebista classificou a informação como “fake news“.

“Eu mesmo, e isso é uma grande realidade, tenho comunicado aos órgãos de imprensa para que a gente evite fake news. Hoje saiu uma delas aí na imprensa, tratando de fechamento de bares e restaurantes, alguma coisa nesse sentido. Que é fake!”, pontuou.

Segundo o emedebista, a população deve evitar a propagação de notícias falsas neste momento de crise. O emedebista enfatizou que o Governo do Distrito Federal (GDF) está divulgando informações corretas e regularmente para a população.

“Nós temos sido transparentes”, afirmou, destacando que o GDF vem detalhando cada medida adotada.

“Quem produz esse tipo de fake não tem interesse pela sanidade da população, pela saúde coletiva. Que é o que nós temos defendido neste momento”, afirmou o governador, no Palácio do Buriti, pela manhã.

Segundo Ibaneis, todas as medidas em marcha continuam seguindo os cronogramas anunciados pelo GDF e as mudanças vão ocorrer conforme a evolução da crise.

“Qualquer medida nós vamos anunciar, como fiz da primeira vez, com data antecedente, para que todos possam se preparar. Eu tenho a disposição para fazer tudo que estiver indicativo. Se tiver que agravar as medidas, vou agravar. Se tiver que reduzir, porque existe um controle sustentável da epidemia, nós também temos como fazer”, afirmou. O DF tem 22 casos de coronavírus até o momento.

Últimas notícias