Equipes trabalham para fechar cratera de 8m aberta no DF

Detran, Defesa Civil e Novacap atuam no local. CEB afirma que postes ao lado não correm risco. Caesb diz que abastecimento está garantido

Renato Alves / Agência Brasília

atualizado 25/02/2020 13:49

Equipes da Novacap trabalham na substituição da rede de água pluvial na QNO de Ceilândia, depois que uma cratera se abriu, na segunda-feira (24/02/2020), e colocou em risco parte de uma via próxima, assim como postes de iluminação. O local segue interditado pela Defesa Civil e pelo Departamento de Trânsito (Detran-DF).

De acordo com o órgão, 15 metros de rede de água terão que ser alteradas porque acabaram danificadas. Segundo Márcio Costa, diretor do Departamento de Infraestrutura Urbana (Deinfra) da Novacap, uma rede de drenagem de 1,5 m de diâmetro se rompeu. “E resultou em uma grande cratera que atingiu também a pista”, completou.

CEB/Divulgação
Cratera chegou a oito metros de largura

O buraco tem cerca de oito metros de largura e fica na via de acesso ao Setor de Indústria de Ceilândia. Outros órgãos do GDF foram acionados. A Companhia Energética de Brasília (CEB), por exemplo, avaliaram o perigo aos postes que ficam próximos.

De acordo com técnicos, a estiagem nas chuvas fizeram com que a erosão se estabilizasse — o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) afirma que não há previsão de precipitações fortes nos próximos dias. Segundo os profissionais da CEB, então, não há riscos aos equipamentos.

A Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb) também foi chamada, uma vez que o problema foi em uma rede de drenagem de água. Entretanto, segundo o órgão, não houve dano à tubulação principal e, por isso, o abastecimento da região está garantido.

Últimas notícias