Uma imagem que circula pelas redes sociais nesta quarta-feira (15/05/2019) mostra policiais militares do DF dentro de um veículo seguindo para a Esplanada dos Ministérios, onde ocorre uma marcha contra os bloqueios de verbas na Educação. Na legenda, a seguinte frase: “E vamos todos para o extra na Esplanada brincar com os comunas”. A Secretaria de Segurança (SSP-DF) determinou abertura de processo administrativo para analisar o caso.

O perfil que aparece no Instagram com a legenda sobre a foto é de Rodrigo Jardim, supostamente um PM. Um cassetete também aparece ao lado de Rodrigo. Ele escreveu ainda: “#13º BPM. #PMDF#210 anos”.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do DF informa que “a postagem do policial militar não condiz com o elevado padrão profissional da Polícia Militar do DF, além de contrariar normas de conduta preconizadas pela SSP/DF. A pasta determinou que seja aberto procedimento administrativo para análise do caso”.

Procurado pela reportagem, o Centro de Comunicação Social da Polícia Militar informou que já está ciente do caso e analisa a imagem.

A Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa acionou corregedoria da PM para que apure a suposta ameaça feita nas redes sociais contra os manifestantes.

“A publicação é grave ameaça aos direitos humanos e à liberdade de protesto, ambos garantidos pela Constituição Federal. Essa violação precisa ser investigada pelas autoridades competentes. Não vamos aceitar que essa conduta fique impune”, declarou o deputado Fábio Felix (PSol), presidente da comissão.