É verdadeiro que ministra mandou retirar outdoors pró-Bolsonaro do DF

Usuária do Twitter, com mais de 26,6 mil seguidores, relembrou o caso. O V ou F buscou o processo junto ao TSE para checar a decisão

atualizado 30/09/2022 17:06

Gui Prímola/Metrópoles

É verdadeira a afirmação de que a ministra Cármen Lúcia, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou a retirada dos outdoors de apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PL) das ruas do Distrito Federal. A informação foi compartilhada nas redes sociais por apoiadores do presidente após a divulgação da decisão.

Uma usuária do Twitter, com mais de 26,6 mil seguidores publicou a seguinte mensagem: “Cármem Lucia mandou retirar, em Brasília, outdoors com a bandeira do Brasil e as cores verde e amarelo. Ela alega isso faz as pessoas lembrarem do Bolsonaro. Na verdade, mais uma desculpa para atacar os símbolos patrióticos. Globalistas em desespero neste momento”.

A publicação, feita em 26 de setembro, em um dia contava com mais de 100 curtidas.

Como verificamos

O V ou F buscou o processo junto ao TSE. A ação, iniciada pelo PDT, afirma que as peças caracterizam propaganda eleitoral irregular, mesmo sem o nome de Jair Bolsonaro ou do partido a que faz parte.

Na decisão liminar, proferida em 25 de setembro, a ministra Cármen Lúcia entendeu que, embora os outdoors não mencionem diretamente o presidente, apresentam conteúdo que permite relacioná-los à campanha eleitoral de Bolsnaro.

“[…] embora não mencionem diretamente o representado, apresentam conteúdo que permite relacioná-los à sua campanha eleitoral, como demonstrado na inicial e confirmado pela imprensa. As fotos demonstram que os outdoors contêm reproduções estilizadas da bandeira do Brasil e que neles predominam as cores verde e amarelo, associadas à campanha do candidato Jair Messias Bolsonaro, como é de sabença geral”, escreveu a ministra na decisão.

A ministra ainda vai analisar o mérito da questão, mas, considerando a decisão liminar, disponível na consulta processual do TSE e verificada pelo V ou F, é verdadeira a afirmação de que Cármen Lúcia determinou a retirada dos outdoors.

Por que checamos?

V ou F é um programa de checagem do Metrópoles em parceria com o Google e com a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) que visa verificar publicações com potencial de viralização e que tenham relação com as eleições de 2022 no Distrito Federal.

Metrópoles cria núcleo de combate à desinformação nas eleições do DF

Para verificar os conteúdos, a equipe consulta especialistas, fontes oficiais sobre o assunto, documentos e dados públicos. A intenção é encontrar informações que confirmem ou não a informação que está sendo compartilhada.

Quando o assunto é desinformação e fake news, as postagens podem ser, além de verdadeiras ou falsas, enganosas ou sátiras. As sátiras não têm a intenção de causar mal, mas têm grande potencial para enganar.

Já as publicações enganosas têm conteúdo retirado do contexto original e usado em outro de modo que seu significado sofra alterações. Também usam dados imprecisos ou que induzam a uma interpretação diferente da intenção de seu autor. Além disso, confundem, com ou sem a intenção deliberada de causar dano.

Quem se deparar com algum conteúdo duvidoso e achar que ele precisa de verificação pode encaminhar o material para o WhatsApp do Metrópoles DF: (61) 9119-8884.

Mais lidas
Últimas notícias