Educação do DF lança licitação de R$ 85 mi para compra de carne vermelha

Cortes bovinos e suínos estão na lista da pasta que controla as merendas nas escolas da capital do país

atualizado 12/01/2021 10:15

merendaJP Rodrigues/Metrópoles

A Secretaria de Educação lançou, nessa segunda-feira (11/1), licitação que prevê aquisição de cortes bovinos e suínos no fim deste mês. A previsão é de que a compra da carne custe cerca de R$ 85 milhões.

Patinho em peça e moído são os cortes de boi escolhidos, enquanto que bisteca fatiada é a pretensão em relação à carne de porco. Interessados já podem registrar propostas no site do GDF.

O pregão foi lançado após o contrato anterior, com a JBS, ter expirado no fim do ano passado. À época, o corte utilizado era o Acém.

No fim de 2019, houve problemas com as almôndegas, que tiveram de ser recolhidas por alto teor de gordura. As comidas deveriam ter um índice de, no máximo 8%, mas apresentaram percentuais entre 9,19% e 9,93%.

Outro pregão importante, relacionado à compra de feijão, extrato de tomate e carne de frango, foi suspenso. Conforme informado pelo DODF, o registro de preços para a aquisição dos cortes congelados de coxa e sobrecoxa, filé de peito e até mesmo de ovos de galinha precisava de uma retificação.

Veja:

0

Procurada, a Secretaria de Educação informou que a licitação do frango foi suspensa devido a um erro no objeto do processo, que já foi corrigido. “A secretaria deve lançar a licitação novamente no Diário Oficial do DF no prazo de 15 dias.”

Últimas notícias