DF segue com vacinação contra Covid-19 nesta sexta. Confira pontos

Na Rodoviária do Plano Piloto há tanto Pfizer, quanto AstraZeneca e Coronavac à disposição da população

atualizado 07/01/2022 9:52

Rafaela Felicciano/Metrópoles

Nesta sexta-feira (7/1) a Secretaria de Saúde disponibiliza pontos de vacinação em todo o Distrito Federal para imunização contra a Covid-19. O mesmo vale para a vacina contra a gripe, porém em menos regiões administrativas, já que há poucas unidades disponíveis na capital.

DF recebe últimas 4 mil doses de vacina da gripe e encerrará campanha

DF confirma 89 casos de flurona, coinfecção de influenza e Covid

Na Rodoviária do Plano Piloto há tanto Pfizer, quanto AstraZeneca e Coronavac à disposição da população. Lembrando que desde dezembro do ano passado é possível escolher a marca do imunizante de preferência. Na maior parte dos postos disponíveis também será possível vacinar-se com uma das três marcas.

0

Confira os pontos de vacinação aqui.

Regras

É importante atentar-se, porém, ao tempo correto para completar o ciclo com a segunda dose ou tomar a dose de reforço. Para a D2 da AstraZeneca ou Pfizer, é necessário contar 56 dias da D1. Caso já esteja na hora de tomar a D2, basta conferir em qual posto está disponível cada uma das marcas. Quem tomou Coronavac precisa aguardar 28 dias.

Quanto a D3, pessoas a partir de 18 anos, profissionais de saúde e imunossuprimidos graves podem procurar os pontos de vacinação. Para os dois primeiros públicos, a exigência é de que se tenha tomado a D2 há pelo menos quatro meses. No último grupo, a necessidade é de apenas 28 dias.

O reforço da Janssen também tem regra a ser seguida. Apenas quem tomou a dose única há pelo menos 2 meses pode procurar um dos postos disponíveis.

Público

A vacinação contra a Covid-19 está liberada no Distrito Federal para todos maiores de 12 anos. Recentemente o governador Ibaneis Rocha confirmou a imunização de crianças, de 5 a 11 anos. Doses direcionadas ao público, no entanto, ainda não chegaram a capital.

0

Quanto a vacina da gripe, pessoas com mais de 6 meses podem tomá-la. No entanto, há poucas quantidades, sendo que nessa quinta (6) o DF recebeu a últimas 4 mil. Agora, novas vacinas contra a influenza só serão recebidas a partir do lançamento da campanha de 2022 contra essa síndrome gripal, como ocorre todos os anos entre o final de março e início de abril.

Flurona

Secretaria de Saúde do Distrito Federal informou, nesta quinta-feira (6/1), que já são 89 casos confirmados do que vem sendo chamado de “Flurona”, a coinfecção por gripe e Covid-19. Nenhum deles evoluiu para casos graves e precisou de ser internado.

Separadamente, são 3,1 mil casos ativos de Covid-19 e o vírus da Influenza A já contaminou, ao menos, 5.805 pessoas. Desse total, 204 estão com o H3N2, que causou surto em diversos estados do país nas últimas semanas.

0

Mais lidas
Últimas notícias