Quadrilhas juninas do DF se apresentam, a partir deste sábado, em lives

Os interessados na atração poderão acompanhar pelos canais do Youtube TVFormiga e LINQDFE

atualizado 19/09/2020 0:03

Vinicius Santa Rosa/ Metrópoles

Estreia, neste sábado (19/9), o XX Circuito de Quadrilhas Juninas do DF. A programação organizada pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Distrito Federal (Secec) se estende até 11 de outubro.

Segundo a pasta, foram aportados R$ 483 mil na iniciativa, que vai gerar 150 empregos diretos e indiretos, envolvendo 31 grupos. Cada um deles receberá um cachê de R$ 10 mil para o coletivo, o que atinge um universo de 1,5 mil quadrilheiros beneficiados.

A transmissão das atrações ocorrerá virtualmente em função da pandemia do novo coronavírus. Os interessados poderão acompanhar pelos canais do Youtube TV Formiga e LINQ DFE.

Para evitar aglomerações, o circuito contará com a apresentação de um casal de dançarinos representando 31 regiões administrativas e cidades do Entorno do DF.

Simultaneamente, a coreografia será embalada por sete bandas de forró locais, com repertório dedicado aos clássicos do xote, baião e diversos estilos de forró.

As lives serão distribuídas por quatro fins de semana, durante os quais um forrozeiro será homenageado em cada evento, por meio dos temas apresentados na arena de dança.

Segurança

Serão cumpridos todos os protocolos de higiene e segurança exigidos por conta da pandemia, como uso obrigatório de máscara, medição de temperatura e higienização com álcool gel.

A cada dia, serão transmitidas apenas quatro apresentações de grupos juninos, com intervalo de 30 minutos entre cada uma, para que não haja aglomeração e seja feita a higienização do local antes da entrada da próxima atração. Durante a pausa, a festa continua com shows dos grupos de forró.

O local das apresentações foi escolhido cuidadosamente por estar situado em ponto centralizado e acessível, em Samambaia.

Além disso, a arena de dança conta com um espaço de 660 m², mais que o triplo do necessário para uma apresentação comum. Não haverá público presencial. (Com informações da Agência Brasília)

Últimas notícias