Coronavírus: posto de testes tem fila maior e reforço de pessoal

No segundo dia de exames em Águas Claras, muito mais gente esperava a vez antes do local abrir para o atendimento

Testagem em massa no DF deve ir até o dia 30 de maioHugo Barreto/Metrópoles

atualizado 22/04/2020 11:53

Diferentemente do primeiro dia de testes, na terça-feira (21/04), posto de testagem para diagnóstico do novo coronavírus na UniEuro, em Águas Claras, começou os trabalhos nesta quarta-feira (22/04) com uma grande fila de atendimento. Antes mesmo dos portões se abrirem, centenas de pessoas aguardavam nos carros em frente aos portões.

Com o apoio da Secretaria de Governo, o posto teve aumento de efetivo. Na terça, a unidade contava com sete servidores para implementar os testes, entre funcionários da Secretaria de Saúde e do Corpo de Bombeiros (CBMDF). Nesta quarta são 11 pessoas.

Até às 11h foram feitos 253 exames e a meta é chegar aos 750. Na terça-feira (21/04), o postou realizou 600.

Confira fotos da iniciativa:

0

Cidy Garcez, 42 anos, administrador de empresas, chegou às 8h. Foram duas horas de espera e apreensão. “Estou com tosse há alguns dias, febre e dor no corpo”, comentou.

Casado e pai de uma menina, ele estava ansioso para saber se tem ou não a Covid-19. Mas, principalmente, elogiou a iniciativa da testagem em massa.

“Quanto maior a amostragem, melhor as decisões de combate ao coronavírus. Maior será número de pessoas positivas que ficam em casa. E, então, poderemos ter uma quarentena justa”, afirmou.

Para alívio de Cidy, o teste deu negativo. “Agora, é redobrar os cuidados para não pegar”, comemorou.

A gerente comercial Celi Lucena, 42 anos, e filha Letícia Lucena, 23, passaram uma hora e meia de espera para testes. Estavam apreensivas em função de terem tido muito tosse nas últimas horas. Mas o resultado de ambas foi negativo.

“A gente seguiu o isolamento e só saía com urgência. Vamos continuar até a reabertura do comércio. Porque aí, volto a trabalhar”, afirmou Celi. “A princípio achávamos que o isolamento foi um pouco de exagero, mas não foi. Foi bom. Não tínhamos a dimensão desse problema”, ponderou.

Drive-thru

A Secretaria de Saúde pretende aplicar cerca de 100 mil testes neste momento inicial. A primeira fase da iniciativa será voltada às áreas do Plano Piloto e de Águas Claras, onde há maior incidência dos casos da doença. O grupo prioritário para testagem serão as pessoas com sintomas de gripes, incluindo febre.

Os atendimentos ocorrerão de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, em pontos específicos do Plano Piloto e de Águas Claras, no sistema drive-thru. São eles:

– UniEuro Águas Claras
– Uniplan Águas Claras
– Residência Oficial do Governador
– Estádio Nacional de Brasília Mané Garricha
– Estacionamentos do Parque da Cidade

Confira como é o funcionamento:

– Todos serão cadastrados na entrada do drive-thru e passarão por triagem de temperatura feita pelo Corpo de Bombeiros, por meio de câmeras térmicas. Aqueles que não apresentarem sintomas não farão a testagem.
– O atendimento ocorrerá por ordem de chegada, dentro do veículo, sendo proibido descer sem orientação da equipe de saúde.
– Também é recomendado que a população utilize máscaras faciais já na saída do domicílio, e que cada carro tenha, no máximo, quatro pessoas.
– Todos os profissionais de saúde e de apoio estarão utilizando equipamentos de proteção individual (EPIs) em todas as etapas do drive-thru.

Últimas notícias