Coronavírus: GDF começa a multar nesta segunda quem não usar máscaras

Punição de até R$ 2 mil vale para quem for visto no comércio, metrô, ônibus e outros locais sem o acessório

atualizado 11/05/2020 7:27

Quem sair de casa sem máscara a partir desta segunda-feira (11/05) estará sujeito a multa e poderá responder criminalmente. A fiscalização entra em vigor 11 dias após o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), instituir o uso obrigatório do acessório a fim de evitar a disseminação do novo coronavírus.

O valor da punição foi fixado em R$ 2 mil. Além de pesar no bolso, o infrator poderá responder por crime de infração de medida sanitária, que tem pena de prisão de até 1 ano.

No transporte público, a orientação é clara: motoristas, cobradores e operadores do metrô devem trabalhar com o item e têm de exigir que o passageiro utilize o equipamento desde o momento do embarque, durante a viagem, até o desembarque. Quem ainda não tiver a proteção, pode retirar em postos distribuídos nos terminais rodoviários.

A fim de evitar complicações e também contribuir com os passageiros, muitos cobradores estão percorrendo os terminais e indo até as filas de embarque oferecer máscaras para quem ainda não recebeu. Segundo dados da Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob), até agora mais de 90 mil foram entregues.

Caso o passageiro sem o equipamento insista em fazer a viagem, o motorista está autorizado a pedir ajuda policial. Se for permitido o acesso de qualquer usuário sem a proteção, a empresa será multada pela Subsecretaria de Fiscalização, Auditoria e Controle (Sufisa).

A obrigatoriedade do uso também é aplicada aos motoristas de táxi e de serviço de transporte por aplicativo.

Comércio

O decreto ainda estabelece que as lojas deverão impedir a entrada e a permanência de pessoas sem o adereço. A recomendação do GDF é de que os cidadãos usem modelos caseiros, seguindo orientações do Ministério da Saúde.

0
Motoboys receberam suporte

Duzentos entregadores de aplicativos de comida receberam, nesse sábado (09/05), kits com álcool em gel, máscaras reutilizáveis e cartilhas didáticas sobre cuidados com o novo coronavírus. A ação foi promovida pelo programa Todos Contra a Covid, do Governo do Distrito Federal (GDF).

Foi o terceiro fim de semana com entregas de kits pelo comitê.

Últimas notícias