Contra o coronavírus, autódromo vira abrigo para moradores de rua

O espaço oferecerá áreas de alimentação, banheiros, dormitórios e locais para lavagem de roupas

atualizado 26/03/2020 23:45

Moradores em situação de rua poderão se abrigar no Autódromo Internacional Nelson Piquet para se isolarem do risco de contágio do novo coronavírus. O espaço oferecerá áreas de alimentação, banheiros, dormitórios e locais para lavagem de roupas.

Quem recorrer ao espaço na quarentena receberá um kit de higiene, além de acompanhamento social e segurança. As vagas são limitadas a 200 pessoas.

O autódromo está preparado com duas tendas de 100 metros quadrados cada, 10 tendas de 36 metros quadrados, 50 contêineres (para dormitório) e pelo menos 30 estruturas especiais que servirão de banheiro.

A ação faz parte de planejamento estratégico do Governo do Distrito Federal (GDF) para conter o avanço da doença na capital, que já conta com 203 brasilienses infectados, segundo balanço divulgado na noite desta quinta-feira (26/03).

Últimas notícias