Confira quem pode se vacinar contra Covid-19 nesta terça-feira no DF

Até a noite de segunda-feira (24/5), 595.340 pessoas receberam a primeira dose do imunizante e 305.933, a segunda aplicação

atualizado 25/05/2021 10:05

Vacinação de professores no GuaráHugo Barreto/Metrópoles

Moradores do Distrito Federal devem ficar atentos ao rol de pessoas que podem receber a vacina contra a Covid-19 nesta terça-feira (25/5). O Governo do Distrito Federal aguarda a chegada de novas doses para ampliar a imunização na capital da República.

Até a noite de segunda-feira (24/5), 595.340 pessoas receberam a primeira dose do imunizante e 305.933, a segunda aplicação. Profissionais de saúde podem agendar a vacinação até esta terça-feira. Das 14.400 vagas disponibilizadas, pouco mais de 5.200 foram preenchidas.

Conselhos e entidades que representam as categorias precisam enviar uma lista com os nomes, para que os profissionais sejam convocados pelo GDF a realizar o agendamento.

A Secretaria de Saúde começa a vacinar, também nesta terça-feira, 5 mil servidores do Ministério da Saúde, cujos nomes constam em lista. A imunização é realizada das 18h30 às 23h30, na Praça dos Cristais, no Setor Militar Urbano (SMU).

Educação

Além dos profissionais de saúde, ainda está vigente a campanha para vacinação dos professores de creche e gestores da rede pública, na UBS 1 do Guará, com horário marcado. Serão contempladas apenas os trabalhadores que constam em lista elaborada pela Secretaria de Educação (SEE).

Até o fim da semana, a ideia é imunizar cerca de 5 mil pessoas. A vacinação foi dividida em grupos de mil pessoas por dia.

Também estão sendo imunizados indivíduos com comorbidades entre 30 e 39 anos. Vale lembrar que, para esse último grupo, é necessário apresentar laudo ou relatório médico que comprove a condição clínica e, assim, receber a vacina.

Pessoas com mais de 60 anos podem se vacinar sem fazer agendamento prévio.

Veja quem pode ser imunizado no DF nesta terça-feira:

  • Profissionais de creches e gestores da rede pública cujos nomes constam de lista enviada pela Secretaria de Educação à Saúde;
  • Profissionais de saúde e da segurança pública;
  • População com 60 anos ou mais (sem agendamento);
  • Pacientes em internação domiciliar;
  • Povos indígenas;
  • Pessoas de 30 a 59 anos com comorbidades (que tenham agendado);
  • Indivíduos com síndrome de Down (com 18 anos ou mais);
  • Pacientes que fazem hemodiálise (com 18 anos ou mais);
  • Imunossuprimidos (com 18 anos ou mais);
  • Gestantes e puérperas com comorbidades (com 18 anos ou mais);
  • Pessoas com deficiência inscritas no BPC (com 18 anos ou mais).

Veja aqui os pontos de vacinação no Distrito Federal.

Confira mais detalhes dos grupos prioritários:

 

As grávidas e puérperas sem comorbidades não têm data prevista para receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19 no Distrito Federal. O Governo do Distrito Federal (GDF) ainda aguarda um posicionamento oficial do Ministério da Saúde sobre a imunização desse grupo.

0

Últimas notícias