Casos de Covid-19 estão em alta no DF

Com 4,2 mil casos, DF tem recorde de infecções por Covid em 24 horas

A taxa de transmissão está em 2,06, ou seja, uma pessoa infectada pela Covid-19 transmite o vírus para pelo menos outras duas

atualizado 12/01/2022 6:37

Casos de Covid-19 estão em alta no DFRafaella Feliciano/ Metrópoles

O Distrito Federal registrou, nesta terça-feira (11/1), recorde de notificações de novos casos em 24 horas. Foram 4.220 infectados confirmados.

O recorde anterior tinha ocorrido em 5 de outubro do ano passado, quando 3.016 casos foram notificados, segundo dados da Secretaria de Saúde (SES-DF) contabilizados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

A taxa de transmissão da Covid no DF ficou em 2,06. Isso significa que uma pessoa infectada transmite o vírus para pelo menos outras duas. É o sexto aumento consecutivo.

É uma das taxas de infecção mais altas já registradas no DF. O recorde aconteceu no início da pandemia, em março de 2020, quando ainda não havia distanciamento social. À época, o indicador chegou a 2,61.

Segundo o boletim da Secretaria de Saúde, a reprodução da epidemia pode ser medida a partir desse índice. Ou seja, se a taxa for menor que 1, a pandemia regride; se for maior que 1, avança.

Nas últimas 24 horas, duas pessoas não resistiram aos sintomas da doença. Desde o início da pandemia, o DF já notificou 527.691 contaminações e 11.120 óbitos em decorrência da doença.

Covid: conheça os diferentes tipos de teste e saiba qual fazer:

0

Mais lidas
Últimas notícias