Cantor agressor. Homem é preso por bater na companheira e solta a voz em delegacia do DF

Preocupados com a saúde do preso, os agentes correram para a cela e, antes de serem notados, presenciaram a cantoria do autor do crime

atualizado 28/09/2021 19:42

13 DPMichael Melo/Metrópoles

Preso em flagrante por agredir a companheira e e ameaçá-la com uma faca, um homem de 36 anos, não se abalou com o cárcere e soltou a voz, mesmo dentro de uma pequena cela, nas dependências da 13ª Delegacia de Polícia (Sobradinho). Afinado, o cantor agressor era ouvido até na recepção da unidade policia.

O fato ocorreu na manhã do último domingo (26/9), nos condomínios de Sobradinho II. Assustados, vizinhos do casal ouviram os gritos da vítima e acionaram a Polícia Militar. Os policiais foram desacatados pelo suspeito e houve resistência à prisão. Em razão de sua agressividade, o homem foi logo colocado na cela.

Após a prisão, o local ficou silencioso. Preocupados com a saúde do preso, os agentes correram para a cela e, antes de serem notados, presenciaram a cantoria. “O autor iniciou, ali mesmo, uma sessão gratuita de canto, com vasto repertório. Que largue a conduta criminosa de agredir mulheres e invista na música”, disse o delegado-chefe Hudson Maldonado.

Veja vídeo:

Últimas notícias