Após seis anos, governo entrega escola reformada para população do DF

A Escola Classe 01 Porto Rico, em Santa Maria, teve obras interrompidas, mas agora ganhou mais salas de aula, refeitório, parquinho e quadra

atualizado 16/10/2020 16:33

Acácio Pinheiro/Agência Brasília

O Governo do Distrito Federal (GDF) concluiu as obras da Escola Classe 01 Porto Rico, em Santa Maria. No total, o centro de ensino tem 540 alunos e professores.

Como revelado pelo Metrópoles, em janeiro deste ano, a construção de ampliação começou em 2014. Nos últimos seis anos, quem esteve no local viu obras inacabadas, tapumes por todo lado e esqueletos de blocos de salas de aula.

Segundo a comunidade, as aulas em dois turnos são fundamentais para proteger os alunos da criminalidade e das drogas. Para a conclusão, foram investidos R$ 1.590.020,38 na reforma completa do local, 85% executada.

“Temos 30 escolas em Santa Maria, e essa era a mais crítica. Hoje, nos alegramos em falar que vai ser uma das mais modernas da cidade. O sentimento, como gestor, é de satisfação”, diz o coordenador regional de ensino da cidade, Augusto Freire. “A escola é um bem comum a toda a comunidade, mas, principalmente, do ponto de vista educacional, vamos poder dar mais dignidade e segurança aos alunos”, avalia.

A obra é executada com verba exclusiva da Secretaria de Educação, por empresa vencedora de licitação na Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

Segundo a construtora, no momento, são realizadas instalações de piso emborrachado e alambrado no parquinho, demarcação da quadra, pintura de piso, portas nos boxes dos banheiros e divisórias de granito no Bloco F.

Quando a escola estiver pronta, a população local receberá uma escola com mais salas de aula, refeitório renovado, parquinho, quadra poliesportiva coberta, entre outras estruturas que preservam a segurança, como reforma das redes elétrica e hidráulica.

“A reforma e a ampliação são um compromisso do governador com a comunidade escolar”, aponta o secretário de Educação, Leandro Cruz.

O diretor presidente da Novacap, Fernando Leite, visitou o local. “Acompanhamos de perto essa obra até para ver o andamento. Percebemos que o serviço está caminhando bem. É aproveitar esse período antes da chegada das chuvas para empregar maior celeridade ao serviço”, explica.

Veja:
0

Últimas notícias