Alegando ciúmes, homem agride esposa e dá soco em policial no DF

Um mulher também acabou detida após recusar abordagem da uma policial. Caso ocorreu na Ceilândia nesta terça-feira (22/3)

atualizado 22/03/2022 9:38

Vinícius Santa Rosa/Metrópoles

Duas pessoas foram presas após uma briga de bar no Distrito Federal. O caso aconteceu na madrugada desta terça-feira (22/3), na QNN 19, em Ceilândia. Ao receberem denúncia de que um homem estaria agredindo a esposa, policias militares abordaram o veículo do suspeito. Durante apuração, uma das mulheres que estava no veículo se recusou a ser revistada por uma policial, pois afirmava ser “advogada e influente”. O homem desferiu um soco no rosto da militar.

Um funcionário do bar disse aos policiais que viu o agressor atingindo a companheira ao vê-la conversando com outra pessoa. De acordo com informações preliminares, o homem, que se apresentou como médico, teria tido uma crise de ciúmes em um bar e, após colocar a companheira dentro do carro, colidiu quatro vezes no veículo do homem que conversava com sua mulher.

Acionada, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) localizou o carro do suspeito parado em um semáforo da região. O veículo era ocupado por três homens e duas mulheres.  O suposto médico e a advogada acabaram autuados por desacato, embriaguez ao volante, dano, lesão corporal, e violência contra a mulher.

Mais lidas
Últimas notícias