Academia do DF fecha as portas e alunos se queixam de desinformação

Clientes da unidade reclamaram de mensalidades que já foram pagas. Empresa afirma que não conseguiu firmar acordo com proprietário do imóvel

atualizado 19/02/2019 20:01

Internet/Reprodução

A academia Status, localizada na quadra 106 da Asa Norte, fechou as portas, e clientes da unidade reclamaram da falta de informações e por se sentirem lesados, uma vez que muitos já tinham efetuado o pagamento de mensalidades.

Diversos alunos acusam o estabelecimento de prestar informações falsas e também dizem não ter recebido os valores devidos pela Status, que parou de funcionar em 6 de fevereiro.

A nutricionista Juliana Gontijo Costa, 40 anos, informou que, antes de o estabelecimento avisar que iria encerrar os atendimentos, mandou um comunicado no qual dizia ter firmado parceria com a academia Dalmo Ribeiro, na 706/707 Norte, para dar continuidade aos serviços prestados.

“Cheguei a indagar se iríamos pagar o mesmo no outro estabelecimento, pois sei que os pacotes da Dalmo possuem valores superiores, e fui informada de que sim”, relatou Juliana. “Mas, quando cheguei ao local para transferir a mensalidade, a informação estava distorcida. Nós ganhamos o direito de malhar no ambiente por alguns dias e, caso gostássemos da unidade, conseguiríamos usar lá o crédito que ainda nos restava na Status”, completou.

Ainda segundo a nutricionista, ela havia pagado o plano anual em agosto de 2018 e ainda não foi reembolsada.

“Uma falta de consideração com os clientes. Estão todos revoltados e desamparados. O direito que tínhamos de malhar na Dalmo acaba nesta semana e estamos todos sem academia. O dono da Status não atende as nossas ligações para prestar esclarecimentos. A maioria dos alunos entrou com ação no tribunal de pequenas causas, e alguns registraram boletim de ocorrência”, acrescentou.

Desentendimento
Contactado pelo Metrópoles, o proprietário da academia na 706/707 Norte, Dalmo Ribeiro, explicou que o estabelecimento dele não possui nenhuma ligação comercial com a Status. “Inicialmente, nós oferecemos um free pass até o dia 20 de fevereiro para que os alunos não ficassem desassistidos. Caso eles gostassem da nossa unidade, poderiam pedir para a Status repassar o crédito que ainda possuíam lá e aderir a algum de nossos planos”, explicou Dalmo.

“Em nenhum momento prometemos que eles iriam pagar valor inferior ao que os nossos alunos já pagam. Virou uma situação desagradável e assumimos uma demanda que não deveria ser nossa. Muitas pessoas procuraram a Dalmo chateadas por falta de informação”, acrescentou.

A reportagem tentou contato com a Status, mas não obteve retorno até a última atualização deste texto. Em comunicado enviado aos clientes do estabelecimento, a empresa esclareceu que não conseguir firmar acordo com o proprietário do imóvel, o qual “impôs aumento do valor do aluguel, tornando a operação inviável”, diz trecho do aviso.

Veja a íntegra da nota da Status:

Em maio de 1992, iniciamos um sonho que com o passar dos anos resultaria na transformação das pessoas, através da orientação do movimento, da qualidade de vida e de hábitos saudáveis.

A Academia Status educou, formou, gerou empregos e oportunidades, facilitou, orientou e transformou vidas no DF.

Foram 27 anos de luta, crescimento, realizações e muito orgulho que fizeram de nossa história uma referência para o segmento fitness em Brasília.

São muitas histórias a contar e a real sensação do dever cumprido.

Isso nos deixa imensamente orgulhosos e certos de que as novidades que temos para compartilhar nos torna mais determinados em nossa nova missão.

Em meados de 2017, o proprietário do imóvel impôs um aumento do valor do aluguel tornando nossa operação inviável.

Foram exaustivas tentativas de negociação que duraram meses.

Desta forma, o aluguel imposto ao ponto onde nos encontramos e a negativa do proprietário em negociar um valor mais viável obriga-nos a mudar nossas operações de local.

Gostaríamos de dispor de mais tempo para esta transição, porém o proprietário inviabilizou qualquer tipo de negociação e solicitou o ponto imediatamente.

A Academia Status fez uma aliança com a Academia Dalmo Ribeiro, para dar continuidade aos serviços prestados, em um espaço físico mais moderno e com uma diversidade de aulas e equipamentos de última geração.

Procedimentos e orientações para alunos

1. Nossas operações na CLN 106, Bloco D, 1º E 2º Andares encerrarão no dia 06 de fevereiro de 2019.

2. Gostaríamos de assegurar que todos os clientes e funcionários serão devidamente atendidos e realocados em acordo com suas opções e necessidades.

3. Criamos um plano de ação com algumas opções que poderão ser acessadas ao longo da semana através de uma lista de preferências que estará na recepção.

Nosso gerente e coordenadores estarão à disposição dos senhores durante todo o processo de mudança e adequação. A partir do dia 11 de fevereiro de 2019, na SHCGN 706/707, no horário das 08h00 às 12h00 e das 16h00 às 20h00.

Últimas notícias