Edital da PCPR sai no dia 3 de março: salário de até R$ 17,9 mil

Serão oportunidades para delegado, investigador e papiloscopista, com 400 vagas no total

Polícia Civil do Paraná/SESP/Divulgação

atualizado 25/02/2020 15:18

O edital do aguardado concurso da Polícia Civil do Paraná (PCPR) está previsto para ser publicado no dia 3 de março, com as seleções da Polícia Militar (PMPR) e do Corpo de Bombeiros do estado. A informação foi divulgada pelo deputado estadual Mauro Moraes. De acordo com ele, a data foi definida em reunião envolvendo os responsáveis pela Secretaria de Segurança e a diretoria da Polícia Civil.

Porém, para que a data seja confirmada, a banca organizadora ainda deve ser escolhida, o que tende a ocorrer nos próximos dias.

O concurso da PCPR terá 400 vagas, distribuídas entre os cargos de papiloscopista, investigador e delegado de polícia. Do total de postos, 300 serão para investigador, 50 para delegado e, agora, 50 de papiloscopista.

Para concorrer ao cargo de delegado é necessário possuir formação de nível superior em direito, idade mínima de 21 anos e carteira de habilitação a partir da categoria “B”. A remuneração inicial é de R$ 17.921,62, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

No caso de investigador, os interessados devem possuir formação superior em qualquer área, com inicial de R$ 5.478,49.

Por fim, para papiloscopista, os interessados devem possuir formação superior em qualquer área e carteira de habilitação a partir da categoria “B. O inicial é de R$ 5.752,41.

Última prova

O último processo seletivo para delegados ocorreu em 2013. Na ocasião, a oferta foi de 26 postos e a organizadora foi a Coordenadoria de Processos Seletivos (Cops).

A seleção contou com provas objetivas, prova discursiva de conhecimentos específicos, análise de títulos, provas de higidez física, exame de aptidão física e investigação de conduta.

A parte objetiva contou com 100 questões, distribuídas por quatro grupos de provas. O primeiro contou língua portuguesa, noções de informática e raciocínio lógico. No segundo, direito civil, legislação estadual e medicina legal. No terceiro, direito administrativo e direito constitucional. No quarto e último, direito penal e direito processual penal.

As disciplinas dos grupos I e II contaram com peso 0,5 por questão, enquanto do grupo III teve 1,5 e do grupo IV, peso 2. A prova discursiva contou com oito questões, sendo duas de direito administrativo, duas de direito constitucional, duas de direito penal e duas de direito processual penal.

Últimas notícias