Deixe os tabus do lado de fora e pode entrar. Tudo sobre sexo, para você gozar a vida.

Só tem tesão durante o dia? Veja como manter o desejo em alta

Deixar o sexo para a noite pode ser um caminho para não transar devido ao cansaço. Veja como não deixar o tesão desaparecer

atualizado 18/03/2022 18:40

Será que existe uma hora do dia em que atingimos o ponto alto de tesão? Claro que a resposta vai variar de acordo com as condições sociais que a pessoa está exposta e ao contexto que está vivendo. Mas, diversas pesquisas já mostraram que existem horários que favorecem nossa disposição devido ao pico de alguns hormônios. Ou seja, não depende apenas de estímulos. É também uma questão fisiológica.

Por isso, pode acontecer de termos desejos durante o dia, em momentos que não estamos perto da parceria. E aí, deixar a transa para a noite, depois de todas as atividades pode ser um caminho para acabar não tendo relação sexual. É o que explica o psicólogo sexual Marlon Mattedi, da plataforma Sexo sem Dúvida.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0

Não deixe o sexo para o fim do dia

O especialista reforça que deixar o sexo para a última atividade do dia, quando já estamos cansados de uma jornada intensa, faz com que a gente diminua a chance do sexo acontecer. 

“Além do cansaço, dos compromissos vividos no dia, é importante entender que para os humanos a noite foi feita para dormir. Somos animais diurnos e o sexo acontece quando estamos acordados, ou seja, a melhor hora tende a ser durante o dia”, esclarece.

Vale ressaltar que existem exceções: “Tem pessoas que ficam mais dispostas à noite, embora seja minoria. A grande maioria dos humanos, e talvez você se identifique com isto, diminui o ritmo de noite, logo, o metabolismo e também o desejo sexual desaceleram”, explica.

Só tem tesão durante o dia?

Isso é muito comum acontecer: “Justamente porque durante o dia é quando o nosso organismo tende a estar mais ativo em todas as áreas, inclusive sexualmente. É durante o dia que nossos hormônios, principalmente nossa disposição física e psicológica para uma relação sexual está em alta.”, explica.

E muitas vezes coincide justamente com o trabalho, os afazeres do dia, e o momento que se está distante da parceria. Mas, na atualidade, a maioria das pessoas só encontra com o par no fim do dia. Por isso, é preciso se empenhar para manter esse desejo ardente.

O que fazer?

Nessas horas, temos duas opções: ou tentamos um encaixe para dar uma fugidinha e encontrar o par para aproveitar o momento de pico. Ou, o que é mais provável de acontecer, é tentar estimular e alimentar o desejo da forma que dá, mesmo nessa distância física. 

Atenção, como pré-requisito para o bom sexo, é preciso esforço para não deixar o desejo cair.

Vamos às dicas práticas.

O virtual a seu favor

Para manter o desejo em alta para o momento que puder encontrar o par e ter aquele sexo gostoso, use e abuse de mensagens. O conteúdo? Deixe a imaginação voar. Desde que com consentimento, envie e receba fotos sensuais e estimulantes, frases expressando o desejo, e dizendo o que gostaria naquele instante: 

“A tecnologia ajuda, então mesmo à distância o alimento do desejo não precisa parar. Quando você se encontrar com o par, ficará ainda mais gostoso. Não se preocupe com a mensagem certa, a frase certa, ou a foto certa para enviar, envie o que tem vontade. Espontaneidade e expressão do desejo fazem bem a quem envia e a quem recebe”, orienta o especialista.

Fugidinha para o sexo

Ainda que não seja uma realidade para muitos, sempre que possível, tente arrumar escapes em algum momento do dia que estiver com o tesão em alta e coincidir com o tempo da parceria, para aquele encontro.

Priorize a atividade sexual

Chegou em casa cansado? Busque as posturas mais preguiçosas, porém deliciosas para manter a vida sexual ativa e prazerosa sem se cansar tanto.

Por fim, apesar da correria é preciso lembrar de colocar nosso prazer como prioridade. Seja o prazer a sós ou acompanhado.

Mais lidas
Últimas notícias