Deixe os tabus do lado de fora e pode entrar. Tudo sobre sexo, para você gozar a vida.

Nada de rapidinha. Veja 3 dicas para o sexo durar mais tempo

Quer aproveitar uma transa durante mais tempo? Confira as sugestões da sexóloga Nelly Kobayashi

atualizado 24/10/2021 18:00

Quanto se trata dos tipos de sexo que podemos ter, o limite não existe. Sexo romântico, selvagem, em pé, deitado, sentado, em casa, em outros ambientes. Enfim, as posições e opções de lugares variam demais. E há alternativas para todos os gostos.

Embora as rapidinhas sejam adoradas por muita gente, principalmente porque, como o próprio nome diz, é rápida, existem também os momentos em que as pessoas querem que a transa dure mais tempo. 

Mas quando não há limites de horário, e temos disponibilidade para desfrutar de um sexo sem limite de tempo, vale aproveitar para tirar o máximo proveito. Nesse contexto, confira as dicas da ginecologista e sexóloga  Nelly Kobayashi.

Publicidade do parceiro Metrópoles
0
Orgasmos de mais qualidade

De acordo com a especialista, retardar o orgasmo ajuda a aumentar a conexão entre o casal e permite diminuir a ansiedade por performance: “Pode preparar o corpo para um orgasmo de melhor qualidade”, explica.

Como durar mais tempo no sexo?

O primeiro passo é não ter pressa e não se preocupar com performance: “É trabalhar as sensações, trocar muitas carícias sem envolver os genitais. Tentar trabalhar todas as regiões do corpo, pois toda a pele tem receptores de prazer”, orienta a especialista.

Segundo, vale exercitar a consciência corporal: “Quando perceber que o prazer está ficando muito intenso, troque a região que está sendo estimulada e reduza a velocidade dos movimentos. Se necessário, fique um tempo somente nos beijos”, ensina Nelly.

Sem pressa para gozar

A sexóloga esclarece que é possível treinar o retardo do orgasmo: “A ideia principal é melhorar a consciência corporal. Ser capaz de sentir que o orgasmo está vindo e interromper o movimento, se acalmar, respirar. Esse treino pode ser feito inclusive na masturbação. Mesmo durante essa prática, não há necessidade de ter pressa para ter um orgasmo rápido”, esclarece.

 

Mude o ambiente

Ambientes que aumentam a ansiedade ou o estresse podem dificultar o controle do orgasmo. Caso queira tentar algo mais demorado em um lugar novo, a dica da especialista é escolher um ambiente em que a pessoa se sinta mais segura e relaxada. 

Por fim, os parceiros que querem passar mais tempo transando do que de fato no final feliz, vale retardar a penetração, explorar outras áreas do corpo que não os genitais, e ir com calma. Mude as posições e respire: “Vale treinar com a masturbação”, finaliza a especialista.

Mais lidas
Últimas notícias