Celebridades, subcelebridades e tudo sobre televisão de maneira ácida e divertida.

Tadeu Schmidt compara máscara a cinto de segurança: “Tem que usar”

Apresentador do Fantástico postou foto combinando roupa com a proteção facial e fez paralelo com a obrigatoriedade do item veicular

atualizado 22/07/2020 16:48

Reprodução/Instagram

Tadeu Schmidt, apresentador do Fantástico, fez um paralelo interessante entre a máscara de proteção contra o novo coronavírus e a obrigatoriedade do cinto de segurança, em vigor no Brasil desde 1997.

No Instagram, ele postou foto combinando a roupa com a proteção facial e disse que é importante tornarmos o uso dela “o mais agradável possível”. “Antes, eu pegava qualquer uma. Mas aí me toquei que virou mais um acessório que compõe o visual da gente. Tô cada vez mais acostumado, cada vez menos incomodado. Às vezes, até esqueço que tô de máscara!”, compartilhou o jornalista.

0

Sobre o cinto, ele lembra que, quando o item veicular se tornou de utilização obrigatória, “muita gente reclamava, não queria usar, dizia que incomodava”.

“Não interessa. Tem que usar, se não usar leva multa (bom mesmo seria se nem precisasse de multa, né?). E, no caso do cinto, é pela integridade da própria pessoa. No caso da máscara, é pela saúde de si e, principalmente, dos outros”, explicou Schdmit, que recentemente completou 46 anos.

Últimas notícias