Bolsonaristas recorrem até ao PT para limitar, no Senado, poder do STF

Bolsonaristas se mobilizam para recorrer até mesmo ao PT para, no Senado, impor limitações ao poder do STF

atualizado 08/12/2022 10:32

Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal - Metrópoles. Alexandre de Moraes, nascido em 1968, é doutor pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (FDUSP), professor, advogado, ex-promotor de justiça, ex-ministro da justiça e ex-político brasileiro. Natural de São Paulo, foi indicado ao Supremo Tribunal Federal pelo ex-presidente Michel Temer, em 2017 Daniel Ferreira/Metrópoles

Senadores bolsonaristas pretendem recorrer até mesmo a parlamentares do PT para limitar o poder do STF. A avaliação deles é que, a partir do ano que vem, a insatisfação com a suposta intromissão do Supremo em outros Poderes poderá unir os dois lados.

Essa articulação contra o STF ganhará ainda mais força caso o bolsonarista Rogério Marinho, do PL, vença a eleição à presidência do Senado. Ele terá como principal adversário Rodrigo Pacheco, do PSD, atual presidente da Casa e, hoje, favorito no pleito.

Nesta quarta-feira (07/12), o senador Flávio Bolsonaro afirmou à coluna que, “se Alexandre de Moraes continuar nessa toada, o próximo Bolsonaro será Lula”.

Mais lidas
Últimas notícias