Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Fãs de Belo foram até presídio esperar liberação do cantor

Nunca largaria Belo nesse momento. Ele é o cantor das multidões, nosso ídolo", disse uma das aficionadas por Belo

atualizado 18/02/2021 11:45

Monique Arruda/ Esp. para o Metrópoles

Os fã-clubes Desafio, Provocação e Primavera fizeram ponto na porta da cadeia pública José Frederico Marques, no Rio de Janeiro, desde as 6h desta quinta-feira (18/2) esperando a liberação do cantor Belo.

“Nunca largaria Belo nesse momento. Ele é o cantor das multidões, nosso ídolo. Ele não merece passar por isso. A lei tem que valer para todos. Isso é injustiça”, diz Tamy Silva, que veio de Niterói ver o ídolo. Rafaela Cunha esteve no show do cantor que causou a prisão.

0

“Paguei ingresso no show. Não era clandestino. Se fosse show de traficante, não teria que pagar ingresso. Paguei R$ 30. Ele estava super feliz e é um absurdo o que esta acontecendo. O trabalho dele é cantar. Eu trabalho todo dia e pego transporte publico lotado, por que não posso me divertir? No Leblon, os bares estão cheios. Pegaram Belo para cristo. Ele não merece isso. Árvore que não dá fruto não recebe predada”, disse ela.

Paula Cristina veio de Campos dos Goytacazes e encarou cinco horas de carro para dar força ao artista. “Estamos ao lado dele em qualquer situação. Ele tem que nos ver e entender o quanto é amado”.

Liberação

O cantor Belo deixou a cadeia pública José Frederico Marques, em Benfica, bairro do Rio de Janeiro, por volta das 11h25 desta quinta-feira (18/2). Na saída, Belo não conversou com a imprensa, mas afirmou que a prisão havia sido “injustiça”. Fãs e jornalistas esperavam pela liberação na porta do presídio.

A soltura acontece após o escritório de advocacia Daniel Dias, que defende o cantor, impetrar habeas corpus no fim da noite de quarta-feira (17/2), no Plantão Judiciário. A decisão havia sido dada pelo desembargador Milton Fernandes de Souza. Nela, o magistrado confirmou que não havia urgência na prisão de Belo.

Sobre a prisão 

Belo foi preso nessa quarta-feira (17/2) pela Delegacia de Combate às Drogas (DCOD) em cumprimento a uma ação para punir os responsáveis pela realização de um evento musical no Complexo da Maré, no último sábado (13/2), durante proibição de aglomerações devido a pandemia do Covid-19. O cantor estava em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.

Últimas notícias