Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

Debate na Globo: por que um chefão da TV acompanhou Lula o tempo todo

Tratamento de honra ao candidato petista é o principal assunto nos bastidores da emissora

atualizado 01/10/2022 10:38

Reprodução/Tv Globo

Nos bastidores do debate realizado na Globo, na quinta-feira (29/9), o comentário era apenas um: o tratamento de honra concedido a Lula. A coluna LeoDias teve acesso a informações exclusivas de toda a movimentação ocorrida antes, durante e depois da sabatina histórica que parou o Brasil diante da tela, ao longo de quase três horas.

Ali Kamel, diretor-geral de Jornalismo da Globo, tratou o candidato petista como artista da casa e, inclusive, o recebeu ainda no carro. O “poderoso chefão” fez questão de levar Lula ao camarim. Ao chegarem, todos os candidatos foram encaminhados ao cenário onde aconteceu o debate pontualmente às 21h40, mas o único que não subiu foi Lula.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
0

Quando o relógio apontou 22h15, Ali Kamel e Lula saíram juntos do camarim e seguiram conversando para o estúdio, sob olhares atentos das nossas fontes. Ao fim do debate, o mesmo diretor acompanhou o candidato no trajeto até o carro.

O tratamento de honra tem um objetivo bombástico descoberto pela nossa reportagem: a Globo quer e precisa de um aporte maior de capital estrangeiro, mais do que 30% previsto pela lei. Para isso, porém, a emissora pleiteia a autorização, por meio de uma “canetada”, para aumentar seu capital.

A questão já é pauta em processo, e falta apenas uma assinatura. Cabe ressaltar que o atual presidente, Jair Bolsonaro, é contra o “sistema”, e insiste em uma divisão mais igualitária entre as emissoras. Tanto é que ele teve papel fundamental na transferência dos jogos da Conmebol da Globo para o SBT.

Por isso, a Globo precisa que ele saia do poder para conseguir uma maior entrada de capital estrangeiro na emissora – que, nos últimos anos, perdeu muita verba governamental, reestruturou o orçamento e dispensou boa parte de seu elenco.

Em nota enviada à coluna LeoDias, a Central Globo de Comunicação informa:

“Não passa de ilação sem nenhum fundamento a nota de Léo Dias sobre o debate dos candidatos à presidência na Globo. O diretor de jornalismo Ali Kamel recebeu na porta dos estúdios os candidatos Bolsonaro, Lula, Simone e Soraya e visitou os demais em seus camarins. Ao fim, despediu-se de todos com um aperto de mãos e um agradecimento pela presença. Como o candidato Lula não chegava ao set do debate até 22h20, Ali Kamel foi até o camarim lembrá-lo de que o programa estava prestes a começar. Lula subiu e o programa iníciou-se sem atrasos. Tudo o mais na nota não tem cabimento.”

Fique por dentro!

Para ficar por dentro de tudo sobre o universo dos famosos e do entretenimento, siga @leodias no Instagram.

Agora também estamos no Telegram! Clique aqui e receba todas as notícias e conteúdos exclusivos em primeira mão.

Mais lidas
Últimas notícias