Tudo o que rola no universo dos famosos e da televisão, sob o olhar atento de Leo Dias e equipe.

20 milhões: veja se os seguidores de Juliette são reais ou fakes

Caio Braga, publicitário especialista em Branding, fez uma análise das métricas obtidas pela sister no Instagram

atualizado 12/04/2021 13:01

Juliette FreireReprodução/TV Globo

Nesse domingo (11/4) Juliette Freira, a paraibana que arrebatou o país, alcançou 20 milhões de seguidores em seu perfil no Instagram. Huayna Tejo, amigo e adm do perfil da advogada, evidenciou o poder da participante através dos números obtidos apenas na publicação em comemoração ao marco. A coluna convidou Caio Braga, publicitário especialista em Branding, para fazer uma análise das métricas obtidas pela sister, do seu ecossistema digital e responder a pergunta: os seguidores de Juliette são comprados?

“A publicação já possui 3,4 milhões de curtidas e quase 15 milhões em alcance (dado correspondente ao número de pessoas que foram impactadas pela publicação). A título de informação, este valor de alcance corresponde a 70% do público conquistado por Juliette”, explicou o especialista.

0

Para Braga, o impacto astronômico refuta qualquer boato sobre a veracidade dos números, por se tratar de um alcance orgânico, ou seja, sem impulsionamento financeiro. Somado a isto, há o peso da própria transmissão do reality – feita para quase 40 milhões de pessoas diariamente, o que reforça a imagem da participante nos principais domínios digitais da Rede Globo.

“Muitas pessoas comentaram sobre uma possível fraude nos números conquistados pela participante, mas não passa de uma falácia. Sim, é comum que pessoas comprem seguidores, mas o engajamento é o fator de análise para se diferenciar estes alcances”, afirmou.

Base fiel de seguidores

Em uma explicação breve, segundo o publicitário, quando há compra seguidores, não necessariamente o perfil adquire engajamento. Afinal, são pessoas que chegaram ao seu perfil sem nenhum traço de identificação com o que está sendo produzido ali e, consequentemente, não haverá interação significativa pelo fato de o conteúdo não dizer absolutamente nada para aquele público que foi, literalmente, comprado.

“Ao analisar a publicação realizada ontem você encontrará quase 170 mil comentários, 180 mil compartilhamentos e quase 20 mil salvamentos. Números expressivos em uma “simples” publicação comemorativa e que são métricas-base do engajamento de um perfil”, pontuou.

“Já mencionei em outras oportunidades aqui nesta coluna sobre o senso de comunidade criado por Juliette e estes dados embasam o alicerce da participante, que segue construindo uma base fiel de seguidores, ou melhor, advogados de marca.”

Últimas notícias