Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Exoneração no Iges-DF é prenúncio de mudanças na Secretaria de Saúde

Longas filas para testagens contra a Covid-19 e outras crises recentes na área ameaçam permanência do atual secretário Manoel Pafiadache

atualizado 21/01/2022 14:10

roberto Jefferson ex deputado preso STF ameaçaIgo Estrela/Metrópoles

A exoneração do general Gislei Morais de Oliveira do cargo de diretor-presidente do Instituto de Gestão Estratégica (Iges-DF), nesta sexta-feira (21/1), é um prenúncio de possíveis mudanças no alto escalão da Secretaria de Saúde do Distrito Federal nos próximos dias.

General Gislei pede demissão do cargo de diretor-presidente do Iges-DF

O Palácio do Buriti tem sinalizado insatisfação com a gestão da área, principalmente após a recente explosão de casos de Covid-19 na capital federal e as dificuldades encontradas por pacientes ao procurar uma unidade pública, especialmente para a testagem rápida.

A demissão do gestor do Iges-DF atinge diretamente o atual secretário de Saúde, Manoel Luiz Narvaz Pafiadache,  padrinho da indicação e que também é general do Exército.

 

0

Antecipação

Após ter confirmado o pedido de exoneração à coluna Grande Angular, o governador em exercício, Paco Britto (Avante), afirmou que o desligamento foi apenas uma antecipação da decisão que já havia sido tomada pelo governador Ibaneis Rocha (MDB).

“O general Gislei só antecipou o que iria acontecer. A demissão já estava decidida pelo Governo do Distrito Federal”, disse Paco. Ainda não foi anunciado o substituto de Gislei.

“Só se antecipou”, diz Paco sobre demissão de presidente do Iges-DF

Segundo ele, a insatisfação, no caso do Iges-DF, foi a falta de médicos nas unidades de pronto atendimento (UPAs) e a recente bandeira vermelha decretada no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), todos de responsabilidade do instituto.

O Metrópoles procurou oficialmente o Buriti, nesta sexta-feira (21/1), para questionar sobre as possíveis mudanças na Secretaria de Saúde, mas a sede do Executivo distrital afirmou que não comentaria o assunto.

Mais lidas
Últimas notícias