Os bastidores das notícias, e os principais personagens, que movimentam a política do Distrito Federal

Ex-bolsonarista, Luis Miranda passa a flertar com candidatura de Sergio Moro

Deputado que denunciou possíveis irregularidades na compra da Covaxin diz "ver com bons olhos" o nome do ex-ministro de Jair Bolsonaro

atualizado 18/10/2021 18:41

Luis Miranda_CPI da CovidJefferson Rudy/Agência Senado

O deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) enxerga com “bons olhos” a possível candidatura do ex-ministro da Justiça Sergio Moro ao Palácio do Planalto nas eleições do ano que vem. O ex-juiz federal é sondado para disputar o cargo pelo Podemos.

O congressista foi eleito dentro das bandeiras do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas acabou desembarcando do grupo político após denunciar ao maior mandatário do país possíveis irregularidades na aquisição da vacina Covaxin pelo Ministério da Saúde.

Bolsonaro nunca admitiu, tampouco desmentiu o episódio. O caso também foi levado para a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19, a qual ouviu o deputado e o irmão dele, Luis Ricardo Miranda, efetivo do ministério. O servidor alegou ter sofrido “pressões atípicas” para liberar documentação interna para favorecer a compra de R$ 1,6 bilhão.

Após o episódio, Miranda declarou inúmeras vezes a “decepção” com o atual presidente e chegou a afirmar que não estaria no mesmo palanque de Bolsonaro em 2022.

Agora, em novo desdobramento do caso, o algoz do presidente passa a flertar com o ex-juiz que atuou na Operação Lava-Jato, o mesmo demitido da Esplanada dos Ministério por Bolsonaro.

 

Últimas notícias
Mais lidas