Notícias, furos e bastidores de política e economia. Com Gustavo Zucchi

Faria explica evento com Allan dos Santos a ministros do governo e STF

Ministro das Comunicações, Fábio Faria, procurou ministros do governo e do STF para explicar encontro com Allan dos Santos nos EUA

atualizado 10/01/2022 7:07

Hugo Barreto/Metrópoles

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, procurou integrantes do governo e do Supremo Tribunal Federal (STF), no fim de semana, para explicar o encontro com o blogueiro bolsonarista Allan dos Santos na sexta-feira (7/1), nos Estados Unidos, onde passa férias. O blogueiro tem um mandado de prisão determinado pelo ministro Alexandre de Moraes em aberto desde outubro de 2021.

Nesse domingo (9/1), Faria enviou uma mensagem no grupo de WhatsApp dos ministros do governo com uma explicação. No texto, ao qual a coluna teve acesso, o titular das Comunicações argumenta que foi a um evento numa igreja evangélica de um pastor amigo que apoia o presidente Jair Bolsonaro e que Allan dos Santos teria “de última hora” e “de surpresa” ao local.

Veja as imagens do evento:

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0

Na mensagem, o ministro ressalta que a imprensa quis “fazer uma grande matéria” de que a presença dele ao lado de Allan dos Santos “significaria um apoio do governo” ao blogueiro. Faria informou que já havia divulgado uma nota de que “não sabia” que Allan estaria no evento e que, “se soubesse, não teria comparecido”. “A nota cessou as especulações”, sustentou.

Leia a íntegra da mensagem de Fábio Faria aos colegas ministros:

“Amigos, só pra deixar vcs (sic) informados. Fui para um evento na igreja Lagoinha em Orlando do Pastor André Valadão que apoia o PR e é muito meu amigo e da família. Fui fazer uma palestra sobre o cenário político no Brasil com outros convidados. De última hora chegou de surpresa o Allan dos Santos que as vezes (sic) apoiador do governo e outras muito crítico ao governo e membros do governo, eu por exemplo sou um alvo constante. Enfim, quiseram ontem fazer uma grande matéria de que o governo brasileiro tinha ajudado ele a fugir e que a minha presença significaria um apoio do governo ao Allan. Fiz uma nota de que não sabia que ele estaria no evento e se eu soubesse eu não teria comparecido. A nota cessou as especulações.”

A ministros do STF, Faria argumentou também não ter participado de jantar ou confraternização com Allan dos Santos nos Estados Unidos, como algumas fotos divulgadas sugerem. O titular das Comunicações afirmou que, após o evento, foi até a sala do pastor dentro da igreja para cumprimentar outros convidados, onde foi servido um “lanche”.

Mais lidas
Últimas notícias