Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

PT pede que MPF apure se governo Bolsonaro atuou por ferramenta espiã

Bancada do PT na Câmara solicitou que MPF no DF abra investigação

atualizado 17/01/2022 19:36

Fotografia colorida do presidente Jair Bolsonaro. Ele é um homem branco, de cabelos lisos e grisalhos penteados para o ladoAlan Santos/PR

A bancada do PT na Câmara pediu nesta segunda-feira (17/1) que o MPF no Distrito Federal apure se o governo Bolsonaro atuou para comprar uma ferramenta espiã em ano eleitoral.

O gabinete do ódio buscou comprar a DarkMatter, ferramenta espiã, em novembro, como mostraram os repórteres Jamil Chade e Lucas Valença. A movimentação aconteceu em novembro, durante uma viagem de Jair Bolsonaro aos Emirados Árabes, segundo a reportagem.

“São ações e medidas que visam unicamente a instrumentalizar a estrutura de poder da família presidencial, com o uso de recursos públicos para adquirir um sistema que pode ser usado de maneira indevida, contra cidadãos e instituições”, disse o documento, assinado pelo líder do PT na Câmara, deputado Reginaldo Lopes, e os outros 52 colegas de bancada.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna