Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

Polícia Legislativa conclui investigação sobre caso Joice

Inquérito já foi enviado ao Ministério Público Federal

atualizado 27/07/2021 13:37

Deputada Joice Hasselmann na 2ª Delegacia de Polícia para prestar depoimento sobre o suposto atentado4Hugo Barreto/Metrópoles

A Polícia Legislativa (Depol) concluiu a apuração sobre o caso da deputada Joice Hasselmann, que disse ter sido atacada em seu apartamento funcional, em Brasília. Segundo a Câmara, o inquérito já foi enviado ao Ministério Público Federal.

A perícia foi feita em 16 câmeras do prédio de Joice e contou com oitivas de funcionários que trabalham no local. A Câmara não divulgou mais informações, afirmando que o inquérito é sigiloso.

Joice afirmou ter acordado ensaguentada no domingo 18 de julho em seu apartamento, mas que não lembra dos fatos. O marido da deputada, o médico Daniel França, negou que tenha agredido a esposa e disse que dorme em outro quarto porque ronca muito. Ele afirmou não ter ouvido nada no dia do suposto ataque.

Segundo a repórter Mariana Costa, do Metrópoles, a análise das imagens do prédio apontou que ninguém suspeito entrou no apartamento de Joice na noite da suposta agressão.

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna