Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

Líder do governo espera filiar dois ministros ao PP

Ricardo Barros, líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, quer contar com os ministros Tereza Cristina e Fábio Faria em 2022

atualizado 30/11/2021 11:00

Ricardo BarrosBilly Boss/Câmara dos Deputados

A filiação de Jair Bolsonaro ao PL nesta quarta-feira (30/11) não deixará o PP na chuva, espera o líder do governo na Câmara, deputado Ricardo Barros. Barros espera filiar dois ministros do governo Bolsonaro ao PP, que até o mês passado era o favorito para abrigar o clã Bolsonaro.

Barros afirmou que Arthur Lira é o candidato do partido para a reeleição na presidência da Câmara, e que essa costura faz parte dos acordos da ida de Bolsonaro ao PL.

“Lira é o nosso candidato à reeleição na Câmara, isso faz parte dos acordos. Também vamos filiar dois ministros no PP: Tereza Cristina e Fábio Faria”, afirmou Barros, em referência à ministra da Agricultura e ao ministro das Comunicações.

Questionado sobre a ida de Bolsonaro ao PL enfraquecer o PP no governo, Barros respondeu, rindo:

“Temos o ministro da Casa Civil, o líder do governo e o presidente da Câmara”.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna