Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Paulo Cappelli

Emicida assina prefácio de livro sobre desigualdade urbana em SP

Texto do artista descreve sua experiência de desigualdade urbana em São Paulo

atualizado 14/01/2022 19:48

Emicida

O rapper Emicida assina o prefácio do livro “São Paulo: o planejamento da desigualdade”, da urbanista e autora Raquel Rolnik. O texto do artista descreve sua experiência na cidade e ilustra a tese de Rolnik de que a desigualdade é fruto de um projeto político, mas que, segundo a autora, pode ser convertido.

A obra, que chega às livrarias no fim do mês pela editora Fósforo, é uma versão ampliada e atualizada de “Folha explica São Paulo”, um clássico do urbanismo brasileiro escrito em 2001 pela mesma autora.

Em “São Paulo: o planejamento da desigualdade”, Rolnik apresenta conflitos, temas e opções políticas que definiram o destino da cidade desde sua fundação, incluindo episódios recentes, como a pandemia da Covid-19, a greve dos entregadores de aplicativos de 2020 e o incêndio da estátua do Borba Gato em 2021.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna