Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Lucas Marchesini

Cade apura se Petrobras limita competição na importação de combustível

Cade abre dois inquéritos para apurar atitudes da Petrobras no setor, que tem como consequência o aumento de preços

atualizado 13/01/2022 11:25

Gasolina - Crise - PetrobrasDaniel Ferreira/Metrópoles

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) abriu dois inquéritos administrativos para apurar se a Petrobras está limitando a concorrência na importação de combustíveis.

As investigações tentarão descobrir se a estatal restringe o acesso de terceiros a dutos de transporte, terminais marítimos e infraestruturas essenciais para trazer combustíveis do exterior.

Um inquérito administrativo é a primeira etapa no Cade para a apuração de condutas anticoncorrenciais. Se a autoridade antitruste encontrar elementos suficientes, ele vira um processo administrativo.

O processo tramita primeiro pela Superintendência Geral da autarquia e depois vai para o tribunal administrativo, composto pelo presidente e seis conselheiros.

0

O preço do combustível é um fator de instabilidade no governo Bolsonaro. Além do efeito na inflação, que atinge toda a população, uma base de apoio específica do presidente sofre diretamente com os altos preços do diesel, os caminhoneiros.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna