Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Natália Portinari

Alckmin é aconselhado a afagar o agronegócio em cerimônia do setor

Vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin deve ir ao jantar de posse da diretoria da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa)

atualizado 29/11/2022 14:39

Imagem colorida mostra o político Geraldo Alckmin (PSB) - Metrópoles Igo Estrela/Metrópoles

O vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin, foi aconselhado a comparecer ao jantar de posse da diretoria que chefiará a Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa) no próximo biênio. A cerimônia será em 7 de dezembro.

O novo governo quer prestigiar o agronegócio ao enviar Alckmin ao evento. O vice-presidente eleito tem boa relação com o setor e chegou a ser cotado como ministro da Agricultura — algo que Lula já descartou.

A transição do governo Lula tem encontrado dificuldades para dialogar com expoentes políticos do agronegócio. A impressão colhida nas últimas semanas é de que muitos acreditam na tese golpista de que a eleição não acabou.

Mais lidas
Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna