Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Ibaneis libera shows e festivais no DF. Veja regras

Shows poderão ser realizados no DF com a presença de público que apresente comprovante de vacinação contra Covid ou exame negativo

atualizado 21/09/2021 16:12

O governador Ibaneis Rocha participa na amanhã dessa quarta-feira (1:9) da Inauguração da Unidade Básica de Saúde Nº 5 do Riacho Fundo IIHugo Barreto/Metrópoles

O governador Ibaneis Rocha (MDB) assinou, nesta terça-feira (21/9), o decreto que libera shows e festivais no Distrito Federal, desde que sejam respeitados protocolos sanitários e regras específicas. As informações foram adiantadas à coluna Grande Angular em visita de Ibaneis à nova redação do portal, na segunda-feira (20/9).

Segundo o texto do decreto concluído nesta terça e ao qual a coluna teve acesso, o distanciamento mínimo deve ser de um metro nesses eventos. As novas normas passam a valer a partir da publicação do decreto, que está prevista para esta quarta-feira (22/9).

A presença do público é restrita para pessoas vacinadas contra a Covid-19, após 15 dias do recebimento da 2ª dose ou da dose única, mediante comprovante. Também poderão participar os cidadãos que apresentarem resultado de exame PCR negativo, com coleta do material genético realizada no máximo 72 horas antes. A ocupação é limitada a 50% da capacidade de público do local do evento.

Segundo o documento do GDF, a verificação e fiscalização dos cartões de vacinação e dos exames negativos ficará sob responsabilidade da entidade organizadora do evento.

Será permitida a realização de shows, festivais e afins em espaço reservado, fisicamente delimitado, com lounges, para grupos de até seis pessoas. O consumo de alimentos e bebidas deverá ser feito dentro dos lounges. Ou seja, é vedado a alimentação e ingestão de bebida em áreas comuns.

O decreto não permite a utilização de pista de dança. A aproximação, toque ou interações “que gerem aproximações” também são vedados.

Avanço da vacinação no DF

O GDF tem afrouxado as medidas restritivas conforme avança a vacinação no DF. Já foram liberados, cultos e cerimônias religiosas, festas corporativas, aulas presenciais, eventos esportivos e atividades como academias, shoppings e clubes.

Entre o início da vacinação de Covid-19, em 19 de janeiro, e segunda-feira (20/9), 82,77% do público vacinável e 69,91% da população do DF receberam a 1ª dose. E 42,77% do público-alvo da campanha de imunização e 36,13% dos habitantes da capital do país tomaram a 2ª dose ou a dose única.

Últimas notícias
Mais lidas