Observadora do cenário político do DF, lança luz nos bastidores do poder na capital.

Antigo PTC, partido Agir36 faz evento em Brasília para lançar novo nome

O Partido Trabalhista Cristão (PTC) é oriundo do PRN. Agora, a sigla passa a se chamar Agir36

atualizado 06/10/2021 14:31

PTC troca de nome e vira Agir36Divulgação/Agir36

O antigo Partido Trabalhista Cristão (PTC) promoveu um evento em Brasília, na noite dessa terça-feira (5/10), para lançar o nove nome: Agir36.

O PTC é oriundo do PRN, sigla extinta pela qual Fernando Collor e Itamar Franco foram eleitos como presidente e vice-presidente do Brasil após a ditadura militar. Agora, o partido troca mais uma vez de nome.

O PTC não tinha nenhum deputado federal. No DF, a sigla perdeu o único deputado distrital que tinha: Eduardo Pedrosa saiu do PTC e entrou no DEM, em agosto deste ano.

Na capital do país, o Agir36 é um dos partidos da base do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), que já confirmou a pretensão de disputar a reeleição. O emedebista participou do evento de lançamento, junto ao presidente da Câmara Legislativa do DF (CLDF), deputado distrital Rafael Prudente (MDB), e da deputada distrital Jaqueline Silva (PTB). A parlamentar está em negociação para trocar o PTB pelo Agir36.

O presidente nacional do Agir36, Daniel Tourinho, e outros integrantes da legenda também estavam no evento.

Segundo o partido, a ideia central da legenda é “servir as pessoas de bem, dando a elas um ambiente saudável, confiável, sem ‘puxadas de tapete'”. “É um partido sem radicalismo, pautado principalmente no respeito às instituições, respeito também pelos projetos pessoais que estejam alinhados ao projeto partidário”.

“No nosso partido, tratamos a todos com igualdade, justamente porque entendemos as diferenças”, disse o presidente nacional do Agir36.

Últimas notícias