metropoles.com

Bravo Villarreal! O time de uma cidade menor que o Setor Sudoeste

O Liverpool, o melhor time do mundo na atualidade, teve muito trabalho para superar o Submarino Amarelo

atualizado

Compartilhar notícia

Reprodução TV
villa
1 de 1 villa - Foto: Reprodução TV

Deu Liverpool, porque este é o maior time do mundo na atualidade. Mas a grande sensação da Champions League indiscutivelmente foi o Villarreal. 

Que campanha espetacular de um time que tem como sede uma cidade de 50 mil habitantes. Isso mesmo: uma população menor do que o Setor Sudoeste/Octogonal, no Distrito Federal, que tem, segundo os últimos números do IBGE, 55.323 habitantes.

 O Submarino Amarelo tornou-se um orgulho para os espanhóis. Mas, olha só: não pense que o Villarreal é um coitadinho, porque não é de jeito nenhum. 

Seu dono é um dos homens mais ricos da Espanha. Fernando Roig, proprietário de uma empresa de pisos e azulejos, tem uma fortuna, segundo a revista “Forbes”, de US$ 1,7 bilhão. Seu irmão, de quem é sócio minoritário em uma rede de supermercados, é ainda mais rico: tem US$ 4,7 bilhões.

Continuo acreditando que a final da Champions 2022 será inglesa, entre Liverpool e Manchester City – que também estão disputando cabeça a cabeça a Premier League. Mas hoje torci demais pelo Villarreal. O bravo, o bravíssimo Villarreal.

Para acompanhar as atualizações da coluna, siga o “Futebol Etc” no Twitter; e também no Instagram.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações