Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

SP-Arte começa na segunda-feira (24/8) com exibição totalmente on-line

Os visitantes poderão navegar pelas exposições de galerias de arte e design. Os projetos foram desenvolvidos para o ambiente digital

atualizado 23/08/2020 13:31

quadros na paredeImagem cedida ao Metrópoles

A feira de arte e design SP-Arte ganhará formato inovador neste ano. A primeira versão digital SP-Arte Viewing Room começa nesta segunda-feira (24/8) e segue até domingo (30/8), no site oficial da iniciativa.

Os visitantes poderão navegar pelas exposições de galerias de arte e design. Os projetos foram desenvolvidos especialmente para o ambiente digital. Além do “tour“, o festival oferecerá textos curatoriais, áudios e vídeos para compor a experiência.

Cada galeria exibirá 30 obras de um ou mais artistas. Serão projetos da arte moderna e contemporânea, bem como peças de design apresentadas por mais de 130 renomadas galerias do circuito nacional e internacional. Clique aqui para conhecer a lista de expositores do evento.

 

Ver essa foto no Instagram

 

A SP-Arte tem o prazer de anunciar a primeira edição do SP-Arte Viewing Room – a principal feira de arte da América Latina agora em ambiente virtual! ⠀ Entre os dias 24 e 30 de agosto, o público poderá explorar projetos expositivos exclusivos, concebidos por mais de 100 renomadas galerias de arte e design do país e do exterior. Além disso, revistas especializadas, projetos especiais e coletivos artísticos estreiam como expositores, aquecendo a programação online do evento. É a oportunidade de ter toda a experiência, diversidade e energia da SP-Arte agora em um novo tipo de imersão. ⠀ Ao longo do próximo mês, divulgaremos todas as atrações e novidades do SP-Arte Viewing Room. Fique ligado em nossas redes sociais e participe conosco deste festival! ⠀ #respirearte

Uma publicação compartilhada por SP-Arte (@sp_arte) em

Relembre

Em maio, a coluna noticiou uma polêmica envolvendo a feira, que foi acusada de negar a devolução dos valores pagos e de não negociar com os expositores após o cancelamento por conta do novo coronavírus. Entretanto, uma semana depois, o evento anunciou que devolveria integralmente todos os valores pagos pelos colaboradores, arcando com a totalidade dos prejuízos.

Na época, a empresa havia informado que se prepararia para realizar uma edição on-line neste ano.

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Últimas notícias