Este é um espaço para celebrar a vida e as pessoas. Viaje comigo nesta aventura!

Pais corujas: 7 vezes que William e Kate quebraram regras pelos filhos

Os pequenos George, Charlotte e Louis seguem muitos protocolos, mas também conseguem se divertir em família

atualizado 08/08/2021 15:03

Príncipe William e Kate Middleton com George, Louis e Charlotte@kensingtonroyal/Reprodução/Instagram

O dia a dia da família real britânica é cheio de protocolos que estabelecem como os parentes da rainha Elizabeth II devem agir, falar e se vestir. Essas regras são feitas para que eles sejam um modelo de cidadão. Mas, vez ou outra, eles encontram um jeitinho de dobrar os protocolos só para agradar os filhos.

O príncipe William, segundo na linha de sucessão ao trono britânico, e Kate Middleton, são pais exemplares de três filhos: os príncipes George, 8 anos; Charlotte, 6 anos; e Louis, 3 anos. Eles não se importam de chamar a atenção das crianças em público para educá-las, mas também dão muito carinho.

Veja sete vezes que os netos da rainha foram paparicados pelos pais:

0
Na final da Eurocopa 2020

Assim como a maioria das crianças, o príncipe George tem um horário rigoroso para dormir. Mas, em 11 de julho, o filho mais velho de William e Kate teve um bom motivo para ficar acordado até a madrugada. Ele foi com os pais para a final da Eurocopa, um dos principais campeonatos de futebol do continente europeu, para torcer pela Inglaterra no jogo decisivo contra a Itália.

O jogo, que começou às 20h do domingo, foi para os pênaltis após a prorrogação e só acabou de madrugada, o que fez o jovem príncipe dormir bem tarde. Felizmente ele estava de férias e não teve aula no dia seguinte.

Kate Middleton, George e William
Kate Middleton e William estavam contentes em proporcionar esta experiência ao filho mais velho
Primeiro dia de aula de George

O primeiro dia de aula de uma criança é um momento muito importante para a família e não foi diferente com George. Ele foi levado para a escola por William, em setembro de 2017. Kate não pôde comparecer porque sofria de severos enjoos matinais durante a gestação de Louis.

O príncipe de quatro anos foi recebido na porta da escola pela diretora, Helen Haslam. Ela apertou a mão do príncipe e trocou algumas palavras para fazer com que ele se sentisse mais seguro e confiante, um privilégio que só a realeza tem.

Príncipe William e George
O príncipe George foi recebido pela diretora da escola no primeiro dia de aula
Primeiro dia de aula da princesa Charlotte

Dois anos depois foi a vez da princesa Charlotte ir para a escola. Novamente, Helen Haslam, diretora da escola primária onde as crianças estudaram, foi até o pátio para recepcionar a nova aluna. Desta vez, Kate estava em pleno estado de saúde e acompanhou a filha até a porta da escola para encorajá-la no primeiro dia de aula.

Kake Middleton e princesa Charlotte
A princesa Charlotte também foi recebida pela diretora na porta da escola
Família real no Chelsea Flower Show 2019

Em 2019, Kate Middleton participou do projeto de um jardim para o Chelsea Flower Show ao lado dos arquitetos Andrée Davies e Adam White. Depois do trabalho de meses, a duquesa de Cambridge levou a família orgulhosa para conhecer o local um dia antes da abertura para o público.

A visita rendeu fotos lindas e espontâneas das crianças explorando o espaço, mas para que isso fosse possível, a família precisou quebrar uma regra do local, que não permite a entrada de crianças menores de 5 anos, carrinhos de bebé ou bebés de colo. Na data, George tinha 5 anos, Charlotte estava com 4 anos e Louis com apenas 1 ano.

A família se divertiu no jardim projetado por Kate para o Chelsea Flower Show 2019
George e Charlotte faltam aula para ir à festa

A princesa Eugenie escolheu George e Charlotte para serem pajem e dama de honra de seu casamento com o empresário Jack Brooksbank, em outubro de 2018.

A cerimônia ocorreu em uma sexta-feira, na Capela de São Jorge no Castelo de Windsor, e as crianças precisaram matar um dia de aula. Nada que prejudique o desempenho das crianças, não é mesmo?

Princesa Charlotte
Princesa Charlotte no casamento da princesa Eugenie
William e George voam juntos

Um dos protocolos da monarquia britânica exige que os herdeiros da coroa não viajam no mesmo voo. A regra foi criada para preservar a linhagem real caso ocorra um acidente.

Em 2014, o príncipe William e Kate pediram permissão à rainha para quebrar esta regra e viajar com o pequeno George – com apenas 9 meses – para a Austrália e Nova Zelândia. Desde então eles já viajaram juntos para o Canadá, Polônia e Alemanha.

William e Kate levaram George à Austrália em 2014
Pequeno piloto de aviões

Em 2016, William e Kate levaram o príncipe George ao Royal International Air Tattoo, um show aéreo militar que ocorre anualmente na base aérea de Gloucestershire em apoio à Fundação de Caridade da Força Aérea Real (RAF, na sigla em inglês).

O príncipe parecia hipnotizado com os aviões e os pais cederam à vontade do menino, que foi colocado na cabine do modelo Red Arrow Hawks, da equipe acrobática da RAF. Raramente crianças têm essa oportunidade.

Príncipe William e George em avião
O pequeno George ficou encantado com os aviões da Força Aérea Real

Para saber mais, siga o perfil da coluna no Instagram.

Mais lidas
Últimas notícias