Luciano Huck tem até julho para decidir entre Globo e eleições

Segundo Leo Dias, emissora quer rápida decisão do apresentador para definir futuro dos programas dele e da mulher, Angélica

Luciano HuckReprodução

atualizado 01/04/2020 9:38

A Rede Globo está em uma situação terrível, embora a audiência esteja boa com as reprises de novelas. Leo Dias afirmou,  durante o programa Os Cabeças da Notícia, na Rádio Metrópoles 104,1 FM, que os diretores ainda estão sem previsão de retorno ao trabalho no Projac, por conta das medidas de isolamento social impostas em todo o país para conter o novo coronavírus, o que deve afetar toda a programação deste e do próximo ano. E, nos bastidores, cresce a pressão até sobre Luciano Huck, para decidir logo o futuro do programa dele e de Angelica.

De acordo com Leo Dias, Huck precisa informar até julho deste ano se vai preferir ficar na emissora ou se vai realmente se lançar como candidato à presidência nas próximas eleições. A partir da decisão dele, a Globo vai definir se ele fica, no máximo, até julho do ano que vem no quadro de funcionários.

0

A Rede Globo quer que ele se afaste imediatamente no caso de optar pela candidatura de 2022, para que não sejam associadas a imagem da emissora com a de Huck e possibilitar, dessa forma, uma cobertura política isenta.

A decisão de Luciano vai afetar a permanência do programa Caldeirão e também decidirá o futuro da apresentadora Angelica, esposa de Huck. Se ele for buscar o Planalto, ela também deverá sair do quadro de salários com o fim do programa dela, que estava com previsão de ir ao ar neste ano.

Sem o casal, a emissora teria uma grande economia de dinheiro, já que os salários da Globo são pagos por obra.luciano

Últimas notícias