Secretário de Tecnologia, Gilvan Máximo ataca de corretor de Ibaneis

Em diferentes momentos, o titular da pasta não perdeu a oportunidade de lembrar o rico patrimônio do número um do Palácio do Buriti

atualizado 19/06/2019 10:02

Hugo Barreto/Metrópoles

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), ganhou um corretor de luxo: seu secretário de Ciência e Tecnologia, Gilvan Máximo. Durante lançamento da Campus Party, nessa quarta-feira (10/4), Gilvan, microfonado, lembrou à plateia que seu chefe é homem riquíssimo e não precisa do dinheiro de ninguém, “pois já tem 800 imóveis”.

Quem ouvia o discurso ficou se entreolhando. Oficialmente, Ibaneis é riquíssimo, mas não tem 800 imóveis. Gilvan relembrou a situação financeira do emedebista dentro do contexto de o chefe de Estado ter feito uma viagem oficial a Portugal pagando as despesas do próprio bolso.

Em outra investida para alimentar a imagem de alto padrão do governador, Gilvan contou que, durante um jantar, Ibaneis teria gasto algo em torno de R$ 22 mil. Boa parte do valor em vinho.

Vai ver, foi só modo de dizer.

Últimas notícias