*
 
 

Candidato ao Palácio do Buriti, Alexandre Guerra (Novo) protocolou nesta quarta-feira (8/8), na Justiça Eleitoral, o plano de governo de sua eventual gestão caso vença as eleições de outubro. O documento de 68 páginas é o primeiro entre as 11 coligações oficializadas ao GDF a ser registrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-DF).

Entre os pontos de destaque, o empresário se compromete a reduzir para 11 as atuais 21 secretarias que compõem a estrutura administrativa do GDF. Além disso, Guerra quer cortar em 50% os 17 mil cargos de confiança que, segundo ele, servem em boa parte como “cabide de emprego”.

“Fizemos um estudo detalhado para manter 8 mil cargos e, com isso, desinchar a atual máquina pública. Queremos devolver ao cidadão serviços eficientes e de qualidade, mas com um custo muito menor para o contribuinte”, explicou.

Além de estrear na apresentação do plano de governo à Justiça Eleitoral, o candidato do Partido Novo também foi o primeiro a oficializar a candidatura junto ao TRE-DF.



 


TREeleições 2018plano de governoPartido NovoAlexandre Guerra