Mix de estampas e alfaiataria dominam o street style de Copenhague

Do dia 6 a 9 de agosto, a semana de moda da capital dinamarquesa reuniu marcas e fashionistas

Christian Vierig/Getty ImagesChristian Vierig/Getty Images

atualizado 14/08/2019 18:26

Focada na sustentabilidade, a Semana de Moda de Copenhague aconteceu de 6 a 9 de agosto. A cada temporada, o evento se mostra como uma plataforma cada vez mais interessante, mesmo fora do principal circuito de desfiles internacionais (Nova York, Londres, Milão e Paris). Durante as apresentações de primavera/verão 2020, as ruas também foram dominadas por fashionistas: entre os looks vistos pelas ruas da capital dinamarquesa, destacaram-se as opções com alfaiataria e a mistura de estampas. 

Vem comigo!

 

Mix de estampas

Foi-se o tempo em que misturar estampas era considerado algo fora do comum ou até cafona. Atualmente, a prática é sinônimo de estilo e rende composições despojadas.

Pelas ruas de Copenhague, os visuais demonstram que há harmonia em mesclar cores e formas. Animal print, xadrez, tie-dye e floral estão entre as padronagens investidas.

Christian Vierig/Getty Images
Poá com listras: simples e certeiro

 

Christian Vierig/Getty Images
A ideia é brincar com as formas e os pigmentos

 

Christian Vierig/Getty Images
O look fica mais descontraído com o mix de padronagens

 

Christian Vierig/Getty Images
O xadrez é uma ótima opção para combinar

 

Christian Vierig/Getty Images
Animal print é atemporal

 

Christian Vierig/Getty Images
Ela destacou o amarelo, que aparece nas duas estampas

 

Christian Vierig/Getty Images
Aqui, variação nas cores da mesma estampa

 

Christian Vierig/Getty Images
O mix de estampas aparece no mesmo item

 

Christian Vierig/Getty Images
O pullover garante um ar mais clássico à produção moderna

 

Christian Vierig/Getty Images
O lettering também funciona nas composições com outras estampas

 

Christian Vierig/Getty Images
A mistura das tonalidades ficou harmônica

 

Christian Vierig/Getty Images
Aqui, as estampas das peças variam no tamanho das formas

 

Christian Vierig/Getty Images
Diferentes tons em uma peça só

 

Christian Vierig/Getty Images
Variar nos tons de xadrez também pode ser interessante

 

Alfaiataria descolada

Em geral, a alfaiataria tem se reinventado na moda. As passarelas e as celebridades mostram que é possível usar peças clássicas com ousadia. Durante a Semana de Moda de Copenhague, o street style confirmou: o blazer é extremamente versátil e descolado.

Liso ou estampado, o item apareceu em diferentes combinações: como peça única, em conjuntinhos com calça, com biker shorts ou com vestido. As apostas também lembram que a tendência cai bem com qualquer tipo de sapato. Inspire-se!

Christian Vierig/Getty Images
O blazer deixa qualquer composição mais elegante

 

Christian Vierig/Getty Images
Vale ousar nas cores

 

Christian Vierig/Getty Images
O blazer pode ser usado fechado…

 

Christian Vierig/Getty Images
… ou aberto

 

Christian Vierig/Getty Images
O mix de texturas também vai bem

 

Christian Vierig/Getty Images
Aqui, ela apostou na amarração

 

Christian Vierig/Getty Images
Os conjuntinhos aparecem estampados

 

Christian Vierig/Getty Images
Peças clássicas com toque atual

 

Christian Vierig/Getty Images
Até o neon entra na tendência da alfaiataria descolada

 

Christian Vierig/Getty Images
A peça fluida ganha um toque mais formal com o blazer

 

Christian Vierig/Getty Images
Blazer com jeans também é uma boa pedida

 

Christian Vierig/Getty Images
Cor terrosa no item oversized

 

Christian Vierig/Getty Images
Tom sobre tom

 

Christian Vierig/Getty Images
Blazer como peça única: cool e chique

 

Christian Vierig/Getty Images
A alfaiataria pode ser desconstruída e inovadora

 

Christian Vierig/Getty Images
Animal print com alfaiataria: moderno e sofisticado ao mesmo tempo

 

 

Semana de Moda de Copenhague 

O Copenhague Fashion Week é um evento realizado sem fins lucrativos. Atualmente, é a única semana de moda na Escandinávia, região formada pela Dinamarca, Suécia e Noruega.

Para sair do papel, recebe 15% de financiamento público e 85% de parcerias comerciais, tendo o Ministério Dinamarquês de Indústria, Empresas e Assuntos Econômicos como principal contribuinte.

Há dois anos, o evento passou por reformulações na gestão. Desde então, as iniciativas são baseadas em uma visão compartilhada de sustentabilidade e inovação.

 

Colaborou Rebeca Ligabue

SOBRE O AUTOR
Ilca Maria Estevão

Bacharel em psicologia pela Universidade Georgetown, em Washington D.C. (EUA). É apaixonada por moda e acompanha toda movimentação no universo fashion.

Últimas notícias