Documentário da Salvatore Ferragamo será exibido no 77º Festival de Veneza

Dirigido por Luca Guadagnino, o filme Salvatore, Shoemaker of Stars mergulha na história do fundador da grife italiana

atualizado 03/08/2020 16:19

Designer Salvatore Ferragamo ajustando par de calçados Salvatore Ferragamo/Foto Locchi/Divulgação

A Salvatore Ferragamo desenvolveu um filme para celebrar o próprio DNA e homenagear o fundador da grife. O documentário Salvatore, Shoemaker of Stars (Salvatore, Sapateiro de Estrelas, em tradução livre) será lançado durante o 77º Festival de Veneza, em setembro. Por enquanto, a label liberou um teaser do conteúdo.

Vem comigo conferir!

Giphy/Salvatore Ferragamo/YouTube/Reprodução

Para anunciar a novidade, a marca destacou trecho da autobiografia de Salvatore Ferragamo, “Este tem sido o trabalho da minha vida: o esforço para aprender a fazer sapatos que sempre servem e a recusa de pôr o meu nome a qualquer um que não sirva. Por isso, por favor, olhem por trás da história do rapaz pequeno, descalço e sem alfabetização que se tornou um famoso sapateiro e procurem o prazer que obterão ao caminhar bem.”

A obra serviu como base para o filme. O projeto teve início em 2017, quando Luca Guadagnino, que dirigiu o documentário, ficou inspirado pela leitura do livro do sapateiro e empresário italiano. O cineasta procurou a família Ferragamo, que liberou o acesso aos arquivos da grife.

“Ficamos muito contentes por saber que o filme sobre a vida do meu pai seria apresentado no Festival de Veneza”, comemorou Ferruccio Ferragamo, em comunicado à imprensa. “É uma honra para mim e para toda a minha família que um diretor do calibre de Luca Guadagnino se interessasse pela história da nossa família, adaptando-a para a grande tela”, completou.

Designer Salvatore Ferragamo
Salvatore Ferragamo construiu um legado no mundo da moda e dos calçados. A foto é de 1956

 

Família Ferragamo
A família Ferragamo liberou o acesso a arquivos históricos para a produção do filme

 

Cineasta Luca Guadagnino
Luca Guadagnino é o idealizador do documentário. “O que é o gênio? Como é que um sistema começa, seja filme ou moda? E como é que uma obsessão intensa com a constante procura de novas ideias e criação se funde com a tradição e os valores familiares? A vida de Salvatore Ferragamo, protagonista e observador do século 20, é a resposta a essas questões”, declarou o diretor

 

Guadagnino realizou entrevistas, conheceu histórias de família e obteve outras informações. Uma importante figura do longa é Wanda Miletti, esposa de Salvatore, que morreu em 2018. Também estilista, ela assumiu a marca depois da morte do marido e ajudou para que ele se consolidasse como um profissional bem-sucedido. No teaser do documentário, a italiana aparece reconhecendo o legado.

Durante três anos, a Fundação Salvatore Ferragamo e o Museu Salvatore Ferragamo trabalharam com a roteirista Dana Thomas. “As gravações de Salvatore lendo em voz alta alguns dos capítulos da sua autobiografia, que foram restaurados para a ocasião, e as entrevistas de rádio que ele deu na Austrália também se revelaram inestimáveis para as suas pesquisas”, destacou a grife.

Sapatos antigos em preto e braco
O projeto do longa começou há três anos

 

Sapatos em círculo
O filme vai mostrar a trajetória profissional do designer, além de experiências pessoais

 

Wanda Miletti Ferragamo em trecho de documentário
Wanda Miletti foi esposa de Ferragamo. Ela morreu em 2018, mas fez parte da consolidação do filme e aparece nas imagens

 

Loja da grife Salvatore Ferragamos
Salvatore Ferragamo (1898-1960) nasceu na Itália. A carreira foi dividida entre a Europa e a América

 

Modelo usando cinza na passarela da Salvatore Ferragamo
A grife se tornou referência nas semanas de moda e o designer até hoje é conhecido como “o sapateiro das celebridades”

 

O documentário tem como foco a carreira de Ferragamo, mas também aborda experiências pessoais e dificuldades. Conta vivências do designer tanto na Itália quanto nos Estados Unidos. “Acompanha Salvatore desde a sua terra natal, na região sul italiana da Campania, até aos EUA, desde aprendiz de sapateiro em Nápoles até ao dono da Hollywood Boot Shop na Califórnia, passando pela sua decisão de regressar à Itália, de viver e trabalhar em Florença, dominando o seu ofício e ascendendo ao sucesso como homem de negócios.”

Salvatore Ferragamo nasceu em 1898 e morreu em 1960. Ao longo da trajetória profissional, consolidou-se como um ícone do design de sapatos, ficando conhecido como “o sapateiro das estrelas”. Ele também fundou uma fábrica própria com artesãos especializados e foco no handmade.

 

Assista ao teaser do documentário:

 

Colaborou Rebeca Ligabue

Últimas notícias