com Rebeca Ligabue, Hebert Madeira e Sabrina Pessoa

Artistas latinas reinventam clássica bolsa da Salvatore Ferragamo

Criada por Paul Andrew e conhecida pela versatilidade, a Boxyz foi adaptada em três modelos com peças limitadas

atualizado 06/01/2020 12:36

Divulgação/Salvatore Ferragamo

A Boxyz, icônica bolsa da Salvatore Ferragamo, foi criada para diferentes tipos de mulheres. Ficou conhecida entre as fashionistas pela praticidade unida à elegância. Agora, a peça-desejo foi reinterpretada por três artistas latino-americanas. A grife italiana convidou Frida Escobedo, Luna Paiva e Milena Muzquiz para elevarem o item de luxo à categoria de obra de arte.

Vem comigo!

Divulgação/Salvatore Ferragamo

Lançada no pre-fall 2019, a Boxyz foi desenvolvida por Paul Andrew, atual diretor criativo da Salvatore Ferragamo. A bolsa é estruturada e constantemente aparece com diferentes acabamentos e texturas.

A collab com as artistas latino-americanas trata-se de uma homenagem à força feminina. Cada uma utilizou as próprias experiências e um DNA criativo único. O resultado? Três modelos exclusivos, em tamanho médio, e cheios de particularidades.

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Cada bolsa foi criada por uma artista latino-americana

 

Uma das convidadas é a escultora Luna Paiva. A argentina usou referências da estética pré-colombiana mexicana para criar um novo idioma que se reflete na Boxyz. Isso que é uma estampa exclusiva!

Reconhecida internacionalmente e um dos nomes em destaque da Art Basel, ela buscou inspiração “em espaços, momentos de luz”, afirmou em vídeo de divulgação. “Meu trabalho é baseado na observação”, completou.

A artista pensou em uma versão da bolsa em tom bege, com detalhes e interior em dourado. Exuberância e sofisticação se misturam.

Divulgação/Salvatore Ferragamo/montagem Metrópoles
Luna Paiva é uma escultora argentina

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Ela criou um idioma exclusivo para a padronagem

 

Divulgação/Divulgação/Salvatore Ferragamo
Fundo dourado

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Folhas de ouro foram usadas

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
São apenas 30 peças da Boxyz by Luna Paiva

 

A mexicana Frida Escobedo é arquiteta. Na carreira, ela está acostumada a experimentar formas. Para a adaptação do acessório, ela retomou o padrão dos blocos de concreto que desenvolveu para a fachada de um projeto recente: o Mar Tirreno, complexo residencial na Cidade do México.

A ideia foi proporcionar um acessório minimalista, mas sem perder a relevância. “Um padrão simples pode expressar o máximo de significado com o mínimo de palavras”, explicou.

Divulgação/Salvatore Ferragamo/montagem Metrópoles
Frida Escobedo é uma arquiteta mexicana

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
A Boxyz by Frida Escobedo é clean, mas ganhou alça em tom vibrante

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
O interior é azul

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Ela se inspirou em um projeto arquitetônico que desenvolveu no México

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Foram produzidas somente 26 peças do modelo

 

Outra mexicana escolhida foi a artista plástica Milena Muzquiz, que enfeitou a bolsa com colagens oriundas de memórias pessoais. Para incrementar, o tecido também foi bordado.

A latino-americana vê a parceria como uma oportunidade de influenciar outras pessoas para se expressarem artisticamente. “A colaboração com Ferragamo representa abrir portas para uma audiência que viaja por todo o planeta. É uma maneira de colocar um fragmento de si, tem muito a ver com comunicar uma forma de ver o mundo em particular”, destacou Muzquiz.

Divulgação/Salvatore Ferragamo/montagem Metrópoles
Milena Muzquiz é artista plástica

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
A mexicana usa elementos do cotidiano no próprio trabalho

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
A impressão de colagem tem alta definição

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Por dentro, o acessório é preto

 

Divulgação/Salvatore Ferragamo
Ao todo, 29 bolsas da versão de Milena Muzquiz foram confeccionadas

 

No total, foram produzidas apenas 85 bolsas numeradas em edição limitada. Os itens estão disponíveis no e-commerce da Salvatore Ferragamo e em lojas selecionadas no México, na Argentina e também no Brasil. Corre que já vai acabar!

Colaborou Rebeca Ligabue

Últimas notícias